Economia

Coronavírus: Caixa tem R$ 75 bilhões para reforçar liquidez do sistema

0

Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, disse, nesta sexta-feira (13), que o banco possui R$ 75 bilhões para reforçar a liquidez do sistema financeiro em meio ao avanço do coronavírus (Covid-19) no Brasil.

Em reunião junto ao ministro da Economia Paulo Guedes, o presidente da Caixa disse que a instituição estatal “tem amplo espaço para emprestar R$ 75 bilhões. Isso é apenas 10% da nossa carteira”.

De acordo com Guimarães, R$ 30 bilhões poderiam ser destinados à aquisição de carteiras de bancos médios, sobretudo aquelas focadas em empréstimos consignado e de automóveis.

Outros R$ 40 bilhões estariam à disposição para colaborar com o capital de giro, principalmente do setor imobiliário e em pequenas e médias empresas. Ademais, recentemente a Caixa também ofereceu R$ 5 bilhões de crédito agrícola, salientou o executivo.

Guimarães disse que a diferença do volume adicional de capital de giro a ser ofertado para os clientes é que parte será separado para a compra de carteiras, que em parte também ele considera como operação de giro.

Na última quinta-feira (12), em um evento, o executivo tinha falado que colocaria R$ 50 bilhões para capital de giro. Para Guedes, falou em R$ 40 bilhões. Essa diferença de R$ 10 bilhões, segundo ele, está dentro dos cerca de R$ 30 a R$ 35 bilhões que serão direcionados para a compra de carteiras de crédito de outros bancos.

Bolsa em queda livre!? Aproveita as maiores oportunidades da bolsa brasileira com nosso acesso Suno Premium

No mesmo encontro com o chefe da pasta econômica, o CEO do Banco do Brasil (BBAS3), Rubem Novaes também afirmou que tem reforçado as linhas de capital de giro a clientes.

“Estamos tomando a inciativa de ir à clientela para falar que podem contar com o BB”.

Para ele, a economia do Brasil deve voltar a funcionar normalmente a partir da segunda metade de 2020. “Tudo deve voltar à normalidade em algum momento do segundo semestre”, disse, salientando que os efeitos do coronavírus no crescimento do País são graves, mas temporários.

Telegram Suno

Compartilhe a sua opinião

Jader Lazarini
Jader Lazarini escreve sobre mercado financeiro, política e economia para o portal de notícias da Suno Research. Anteriormente, trabalhou na Unidas. Estuda Relações Internacionais na Universidade Anhembi Morumbi.