Negócios

Bradesco deseja aumentar carteira de crédito do agro em R$ 6,5 bi

0

O Bradesco tem objetivo de aumentar a carteira de crédito para o mercado agropecuário. Conforme o banco, os grandes agricultores vão ter menos suportes por conta das mudanças anunciadas no Plano Safra 2019/20.

O Bradesco tem a projeção de encerrar o primeiro semestre deste ano com R$ 25 bilhões. Esse valor corresponde a um aumento de R$ 6,5 bilhões quando comparado com o ano passado que somou R$ 18,5 bilhões.

O objetivo principal do banco é somatizar no final de 2019 o total de R$30 bilhões. Com isso, a sua participação no mercado teria um crescimento de 3%, passando de 7% para 10%.

“Vamos aumentar a estrutura, com profissionais e novos produtos, para ganhar participação”, disse o diretor de Agronegócio da Área de Empréstimos e Financiamentos, Roberto França.

O banco está se projetando visando as mudanças que o Plano Safra 2019/20 sofreria. No entanto, na última sexta-feira (31), a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, tranquilizou os produtores em relação ao plano.

“Fiquem tranquilos. Não vamos ter ainda o Plano Safra que desejávamos, mas vamos ter uma programação que o produtor vai pode ter, com novas ferramentas”, disse a ministra.

O Plano Safra 2019/20 está previsto para ser lançado no dia 12 de junho deste ano.

Expectativa

Até o momento foram inauguradas 12 unidades de plataformas específicas de atendimento ao agronegócio. A estimativa é de que até julho deste ano ano sejam 14 plataformas.

Saiba Mais: Confira as 60 marcas mais valiosas do Brasil; Bradesco lidera o ranking

Além disso, o banco projeta ampliar a carteira de Cédula de Produto Rural (CRP Financeira) em R$ 7 bilhões, atualmente, esse valor correspondem a R$ 4 bilhões. Ademais, o Bradesco quer transformar a CRP em plataforma digital incluindo a contratação de crédito pelo aplicativo.

É conhecido por CRP Financeira um título referenciado em produto rural.

O Bradesco destinou cerca de 50% dos R$ 340 milhões do Plano Safra 2018/19 ao Pronamp com o objetivo de financiar o setor agrícola e pecuário. Pronamp é um financiamento para investimentos do médios produtores rurais em atividades agropecuárias.

Compartilhe a sua opinião

Poliana Santos
Poliana Santos escreve sobre economia e política para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na Rádio Gazeta AM, onde era responsável pela produção do programa Bom Dia Gazeta. É estudante da Faculdade Cásper Líbero.