Bradesco (BBDC4) fecha acordo com funcionários sobre home office

Bradesco (BBDC4) fecha acordo com funcionários sobre home office
O Bradesco (BBDC4;BBDC3) fechou um acordo com seus funcionários para aplicar home office permanentemente.

Um executivo da área de recursos humanos do Banco Bradesco (BBDC4;BBDC3) informou, nessa sexta-feira (18), que a instituição financeira fechou um acordo com seus funcionários para aplicar o home office permanentemente.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

O executivo destacou que  o  acordo contou com o apoio do sindicato dos bancários. No combinado foi decidido que os funcionários poderão ser designados para trabalhar remotamente pela quantidade de dias que o Bradesco e o funcionário combinarem.

Cabe destacar que no cenário atual o banco conta com 94% da sua equipe administrativa e 50% da equipe que atua em agências, trabalhando remotamente, ou seja, estão de home office.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Em meados de agosto, o presidente do banco, Octavio de Lazari Junior, já havia sinalizado a intenção da companhia de permitir que seus funcionários trabalhassem remotamente uma semana a cada mês, em média. Nesse sentido, a instituição poderia economizar em alugueis e poderia vender alguns de seus imóveis.

Já o diretor de recursos humanos do banco, Juliano Marcílio, apontou que com o home office, é possível buscar pessoas que moram longe dos escritórios da instituição.

Além disso, a instituição pretende fornecer cadeiras e uma ajuda de custo anual aos funcionários que trabalharem remotamente mais da metade da jornada de trabalho, para ajudá-los em contas como internet e energia. O valor do auxílio será de aproximadamente R$ 1.000.

Bradesco investirá R$ 100 mi no primeiro ano do BITZ

O Bradesco investirá R$ 100 milhões no primeiro ano de atividade da sua nova empresa de carteira digital e contas de pagamento BITZ Serviços Financeiros.

De acordo com o diretor executivo da empresa, Curt Zimmermann, a plataforma é um dos três pilares da estratégia digital do Bradesco, que já conta com o Next e a estrutura do banco tradicional. Segundo o CEO, diferentemente do Next, o BITZ já nasceu como uma unidade separada visto que o grupo decidiu que a empresa seria uma fintech.

“A gente viu a velocidade de uma forma apartada e quer viver o mundo da fintech de forma completa”, afirmou o executivo do Bradesco.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião