Imóveis

Bradesco poderá oferecer também crédito imobiliário com IPCA

0

Após o anúncio de uma nova modalidade de financiamento imobiliário da Caixa Econômica Federal, o Banco Bradesco confirma a possibilidade de oferecer crédito imobiliário com taxas relacionadas ao Índice de Preços ao Consumidor (IPCA). No entanto, a instituição teme que o cliente não queira assumir o risco inflacionário.

“Para nós, bancos, faríamos sem problemas, mas não sei se o cliente gostaria de 12 anos. Para nós acho viável porque tem proteções de inflação através de derivativos. Se quiser transformar a taxa em fixa você tem possibilidade de securitizar essa carteira de 12 anos junto a fundos de pensão e companhias de seguro. Mas atende o consumidor?”, questiona o diretor executivo do Bradesco, Leonardo Miranda.

Miranda avalia que o brasileiro talvez não queira se comprometer e assumir o risco inflacionário com prazos tão longínquos.

“Vamos primeiro entender o regulamento. Nós temos a capacidade de prover todo e qualquer produto bancário no Brasil, se tiver demanda a gente pode fazer a inflação por 12, 20, 30 anos. Não temos necessidade de limitar a 12 anos porque temos capital robusto”, disse o diretor executivo.

A Caixa Econômica e o Bradesco disputam a liderança no setor de crédito imobiliário, a adesão da inflação nas taxas de financiamento fomenta a concorrência.

Além disso, o Banco do Brasil, após anúncio da Caixa, também divulgou sua nova modalidade de taxas diferenciadas de financiamento imobiliário.

Banco do Brasil anuncia taxas diferenciadas de crédito imobiliário

A nova modalidade de financiamento do Banco do Brasil se caracteriza pela diminuição de juros em referência ao prazo, quanto mais curto o prazo, menores são os juros. O novo sistema é valido para linhas do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Carteira Hipotecária (CH).

De acordo com a instituição, esse novo tipo de crédito tem como objetivo atender à demanda por financiamentos mais curtos com taxas mais baixas.

Confira Também: Caixa oferecerá crédito imobiliário a 2,95% ao ano mais IPCA

Desse modo, segue a lista com os prazos e taxas imobiliárias:

  • 60 meses: a partir de 7,99% a.a. + TR
  • De 61 a 118 meses: 8,05% a.a. + TR
  • De 119 a 178 meses: 8,10%a.a. +TR
  • De 179 a 238 meses: 8,15%a.a. + TR
  • De 239 a 298 meses: 8,24%a.a + TR
  • De 299 a 358 meses: 8,29%a.a + TR
  • De 359 a 418 meses: 8,45%a.a. + TR

A simulação com as novas tarifas pode ser feita aqui.

Última cotação do Bradesco

Após o pronunciamento, na última terça-feira (20), o Bradesco (BBDC3) encerrou em queda de -1,03% sendo cotado a R$ 28,80.

Compartilhe a sua opinião

Poliana Santos
Poliana Santos escreve sobre economia e política para o portal Suno Notícias. Antes, colaborou na Rádio Gazeta AM, onde era responsável pela produção do programa Bom Dia Gazeta. É estudante da Faculdade Cásper Líbero.