Avianca apresenta proposta de empréstimo de US$ 2 bi nos EUA

Avianca apresenta proposta de empréstimo de US$ 2 bi nos EUA
Avianca apresenta proposta de empréstimo de US$ 2 bi nos EUA

A Avianca Holdings (NYSE: AVH) informou que nessa terça-feira (22) apresentou uma proposta de empréstimo ao Tribunal de Falências do Distrito Sul de Nova Iorque de aproximadamente US$ 2 bilhões (cerca de R$ 10 bilhões).

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! cadastro feitocom sucesso.

lead suno background

O montante seria destinado ao pagamento de dívidas presentes no processo de recuperação judicial da Avianca. Nesse sentido, a segunda maior comapanhia aérea da América Latina ainda destacou que entrou com uma proposta na justiça estadunidense solicitando o assentimento do financiamento.

Além disso a companhia aponta que adquiriu compromisso de credores para um empréstimo na modalidade “debtor in possession” (DIP) de US$ 2 bilhões.

No Suno One você aprende a fazer seu dinheiro para trabalhar para você. Cadastre-se gratuitamente agora!

Cabe ressaltar que a modalidade de empréstimo DIP dá aos credores prioridade no recebimento dos valores liberados no processo de recuperação judicial.

A oferta de empréstimos dessa modalidade equivale a um empréstimo na divisão A e outro na divisão B de  aproximadamente US$ 1,27 bilhão e US$ 722 milhões, respectivamente.

Sobre a Tanche A, a proposta aponta que US$ 590 milhões deverão ser oriundo de novos credores ao passo que US$ 290 milhões deverão ser oriundos de detentores de notas seniores. O restante deve ter origem no refinanciamento de dívida prévia.

Vale lembra que na última quinta-feira (17) a companhia havia solicitado à à Justiça da Colômbia, seu país de origem, a suspensão de uma liminar que impede a empresa de ter acesso a uma linha de crédito de US$ 370 milhões (cerca de R$ 1,93 bilhão). Em maio deste ano, a companhia entrou com um pedido de recuperação judicial em Nova Iorque.

Na última sexta-feira (11), o Tribunal Administrativo da Corte de Cundinamarca concedeu uma liminar interrompendo o desembolso de um empréstimo de até US$ 370 milhões à Avianca. O crédito seria disponibilizado pelo Fundo Colombiano de Mitigação de Emergências (FOME) e faz parte dos empréstimos DIP do plano de recuperação da aérea.

Avianca pede recuperação judicial

A segunda maior companhia aérea da América Latina apresentou no dia 10 de maio seu pedido de recuperação judicial. Já no dia 12 a Justiça do Distrito Sul de Nova York aceitou o pedido.

Dessa forma, a Justiça dos Estados Unidos permitiu à Avianca manter suas atividades enquanto reestrutura a operação de recuperação e as dívidas, avaliadas em US$ 5,3 bilhões (cerca de R$ 31,11 bilhões).

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião