Ambev registra lucro de R$ 2,712 bilhões no segundo trimestre

Ambev registra lucro de R$ 2,712 bilhões no segundo trimestre
Agenda do Dia - Ambev

A companhia brasileira de bebidas Ambev SA (ABEV3) teve alta de 8,5% em seu lucro líquido ajustado do segundo trimestre, comparado ao mesmo período do ano passado. Um dos fatores principais para isso acontecer foi a diminuição de despesas financeiras. A informação foi divulgada junto ao balanço da empresa nesta quinta-feira (25).

A subsidiária da Anheuser Busch conseguiu lucrar R$ 2,616 bilhões entre os meses de abril e junho. Dessa forma, a Ambev deixou para trás as estimativas de especialistas, que esperavam por um valor de R$ 2,286 bilhões.

O lucro liquido trimestral ajustado da Ambev teve uma elevação de 16,1%, em comparação a 2018. De acordo com a companhia, a quantidade de cerveja vendida no País aumentou em 2,9 %. Sendo assim, o fato pode ser explicado pelo progresso nas vendas de marcas internacionais, como: Budweiser, Stella Artois e Corona.

“Os resultados apresentados neste trimestre são consequência direta do investimento da companhia em suas plataformas estratégicas, especialmente no fortalecimento de seu portfólio premium e das famílias de marcas como Brahma e Skol”, disse a empresa.

Ações da Ambev sobem no mercado

As ações da companhia de bebidas Ambev tiveram uma forte valorização no início do pregão desta quinta-feira (25). Os papéis tiveram valorização de 8,30% e eram negociados a R$ 19,45, por volta das 11h30. A empresa ficou entre as três que estavam em maiores altas do Ibovespa.

Veja também: Bradesco registra lucro de R$ 6,5 bi no 2T19; ações caem na bolsa 

A Companhia de Bebidas das Américas, mais conhecida como Ambev, foi criada no dia 1 de julho de 1999. À época, ela se deu pela fusão de duas empresas do ramo de cerveja: Brahma e Antartica. Quase um ano depois, a união entre as empresas foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE). A sede da empresa fica localizada em São Paulo.

Lucro do 1º trimestre

A Ambev (ABEV3) registrou um lucro líquido de R$ 2,74 bilhões durante o primeiro trimestre de 2019. A alta equivale a um avanço de 3,2% quando comparado aos mesmo período do ano anterior.

Além disso, a Ambev ainda um Ebitda (Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado totalizou R$ 5,12 bilhões, uma alta de 6,9% em relação ao primeiro trimestre de 2018.

Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião