Agenda do Dia: Petrobras; CCR; Bradesco; Alpargatas; Klabin; Modalmais

Agenda do Dia: Petrobras; CCR; Bradesco; Alpargatas; Klabin; Modalmais
A Petrobras (PETR3; PETR4) iniciou a fase vinculante referente à venda de sua subsidiária integral Petrobras Biocombustível (PBIO).

Os assuntos da Agenda do Dia desta segunda-feira (10) prometem mexer com o mercado interno e o externo.

A Petrobras aumentou a produção no Brasil, mas viu cair o mesmo dado no exterior. A CCR conseguiu, na Justiça, a suspensão da diminuição das tarifas de pedágio. O Bradesco informou que irá aumentar seu capital social.

A Agenda do Dia conta também com a notícia sobre a Alpargatas, que divulgou seus resultados referentes ao ano de 2019.

Confira os principais pontos da Agenda do Dia:

Petrobras

A Petrobras (PETR3;PETR4) obteve marcas recordes na produção de petróleo no Brasil no ano passado. Os números avançaram por conta do pré-sal. Em contrapartida, a produção caiu em campos do exterior para os menores patamares desde o começo dos anos 2000.

O relatório de dados operacionais que a petroleira irá divulgar nesta segunda-feira (10), após o fechamento do mercado, deverá destacar esses pontos. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP), a estatal apresentou uma alta de 4,8% nos volumes de óleo produzidos no Brasil em 2019. Entretanto, é importante destacar que a ANP e a Petrobras têm métodos diferentes para contabilizar a produção de petróleo.

CCR

A CCR (CCRO3) informou que obteve na Justiça a suspensão da diminuição das tarifas de pedágio na Rodovia Presidente Dutra, que é administrada pela NovaDutra. O percentual de redução seria de 5,26%.

A determinação da redução do pedágio foi feita pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), na última semana, e iria abranger todos os pedágios da BR116 nas regiões entre São Paulo e Rio de Janeiro.

Bradesco

O Bradesco comunicou que irá aumentar seu capital social em R$ 4 bilhões. A instituição emitirá 806,3 milhões de novas ações ordinárias e preferenciais.

O foco do Bradesco com o aumento de capital é realizar a bonificação dos atuais acionistas, além de aumentar a quantidade de papéis no mercado.

NotreDame Intermédica

A NotreDame Intermédica informou que fechou o processo de aquisição da Clínica Paranaense de Assistência Médica (CLinipam). O valor final da operação foi de R$ 2,5 bilhões.

A Clinipam atua na região Metropolitana de Curitiba (PR) e em municípios de Santa Catarina, como:

  • Blumenau
  • Jaraguá do Sul
  • Joinville

Esta negociação havia sido anunciada no final de 2019 e foi aprovada pelo CADE e pela ANS.

Alpargatas

A Alpargatas (ALPA3; ALPA4) apresentou lucro líquido consolidado de R$ 128 milhões no quarto trimestre do ano passado. Esse valor corresponde a uma alta de 38,5% em comparação ao mesmo período de 2018.

Por sua vez, o lucro líquido recorrente no ano de 2019 foi de R$ 432 milhões, alta de 29,5%, “refletindo uma geração de caixa operacional de R$ 389 milhões”, de acordo com a empresa. A receita líquida da Alpargatas apresentou aumento de 10%, para R$ 3,7 bilhões.

A receita líquida do quarto trimestre cresceu 5,6% em comparação com o mesmo período no ano anterior, alcançando o valor de R$ 1,1 bilhão. O Ebtida recorrente (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) apresentou crescimento de 16,7%, para R$ 249 milhões, com margem Ebtida de 21,8%.

Klabin

De acordo com o diretor-geral da Klabin (KLBN4; KLBN3), Cristiano Teixeira, a fabricante de papéis segue com uma perspectiva positiva para este ano. No quarto trimestre do ano passado, a empresa apresentou vendas mais fortes do que o que era estimado por especialistas.

Veja também: Garín vê setor de commodities como promissor para 2020

“Esperamos um início de recuperação dos preços dos produtos exportados pela Klabin”, disse o executivo sobre a valorização do dólar e o que esse fator pode trazer de benefícios à empresa. As informações são do jornal “Valor Econômico”.

Modalmais

Após a abertura de capital (IPO) da XP Investimentos ser realizada com sucesso nos Estados Unidos, a corretora Modalmais está estudando uma possível entrada na Bolsa de Valores. As informações são do jornal “O Estado de São Paulo”.

A Modalmais, entretanto, está mais focada em lançar novos produtos como: previdência e conta salário e crédito. A ideia da corretora é realizar esses lançamentos até junho deste ano.

BB Seguridade

O BB Seguridade publicou seu balanço na manhã desta segunda-feira (10). A empresa teve alta de 88% no lucro líquido em 2019 frente ao ano anterior, um total de R$ 6,6 bilhões.

A empresa registrou aumento de 89,2% nas receitas de investimentos das participações societárias que detém. Dentre essas, houve um impacto positivo de R$ 2,3 bilhões por causa da alienação total da participação na IRB Brasil RE, segundo a BB Seguridade.

Nas despesas, houve queda de 13% no ano. A BB Seguridade atribui essa retração, principalmente, à reversão de provisão para compra de ações, menores gastos com serviços técnicos especializados e redução de gasto com pessoal, por revisão do modelo de rateio e ressarcimento.

Divulgação de resultados na Agenda do Dia

Além da BB Seguridade, estão previstos para esta segunda-feira os resultados de Itaú e a São Martinho, após o fechamento do pregão.

A Agenda do Dia da Suno mostra os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia.

Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião