Agenda do Dia: Oi; Banco do Brasil; Vivara; BNP Paribas; Thomas Cook; Petrobras

Agenda do Dia: Oi; Banco do Brasil; Vivara; BNP Paribas; Thomas Cook; Petrobras
Nova AGC da Oi deve acontecer no dia 8 de setembro e deve ser presencial

Os assuntos da Agenda do Dia desta segunda-feira (23) prometem agitar o mercado interno e externo.

A Huawei negou o interesse na brasileira Oi, que está em processo de recuperação judicial. A Vivara determinou o intervalo de preço por ação de sua oferta pública inicial de ações (IPO). Estas e outras notícias fazem parte da Agenda do Dia desta segunda.

A Agenda do Dia conta também com a notícia sobre o Banco do Brasil, que deve lançar seu follow-on no dia 3 de outubro.

Confira os principais pontos da Agenda do Dia:

Oi

A líder em 5G, Huawei, informou no último domingo (22) que não possui interesse em adquirir a operadora brasileira que está em recuperação judicial, Oi (OIBR3; OIBR4).

De acordo com a matéria exclusiva do SUNO Notícias, a operadora de telefonia móvel China Mobile estava pensando em unir forças com a Huawei para comprar a Oi.

A AT&T também pode estar acompanhando a operadora brasileira de perto, segundo o jornal “O Estado de São Paulo”. Mesmo negando o interesse, especialistas acreditam que a informação passada publicamente pelas empresas chinesas pode ser apenas uma forma de distrair o mercado. Isso porque após a ratificação da nova lei das teles no Congresso, a Oi despertou maior interesse de outras empresas.

Veja também: Boletim Focus mantém previsão de crescimento do PIB em 0,87%

Banco do Brasil

Os bancos que estão na coordenação do processo de oferta subsequente de ações (follow-on) do Banco do Brasil esperam lançar a oferta no dia 3 de outubro. Caso isso aconteça, os papéis poderão ser precificados já no dia 17 do mesmo mês.

Veja também: Bancos Centrais não devem temer a Libra, diz Facebook

Vivara

A Vivara anunciou, na última sexta-feira (20), a faixa de preço de seus papéis para a oferta inicial de ações (IPO). Os preços variam entre R$ 21,17 e R$ 25,40.

Ao considerar o valor médio de R$ 23,29 por ação, a Vivara pode arrecadar até R$ 1,65 bilhão na oferta base. O montante levantado pode ser aumentado para R$ 1,98 bilhão, se for considerada a oferta adicional.

BNP Paribas

O BNP Paribas, um dos maiores bancos da Europa, inovou em sua nova parceria com a gestora brasileira Persevera. O banco realizou uma incubação, aportando € 20 milhões (aproximadamente R$ 85 milhões na cotação atual) a Persevera, sem se tornar sócio da empresa brasileira.

Esse processo funciona da seguinte forma: o BNP Paribas não se torna sócio da gestora, que possui R$ 180 milhões em patrimônio de fundo multimercado. Em troca do investimento, vai receber parte do retorno dos fundos e uma fatia das receitas futuras ao longo dos próximos seis anos, ao menos.

Thomas Cook

A Thomas Cook, uma das maiores operadoras de turismo do mundo, declarou que encerrou suas atividades na manhã desta segunda-feira (23).

A quebra da Thomas Cook, que foi criada há 178 anos, fez com que fossem cancelados mais de 600 mil viagens. Além disso, 150 mil turistas que estão fora do Reino Unido terão que ser resgatados pelo governo do país.

Petrobras

Na última sexta-feira (20), a Petrobras (PETR3; PETR4) fechou um contrato de cessão de direitos creditórios com a Eletrobras (ELET3; ELET5; ELET6). Dessa forma, a petroleira receberá de forma antecipada cerca de R$ 8,4 bilhões.

A Agenda do Dia da Suno mostra os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia.

Juliano Passaro

Compartilhe sua opinião