Confira a agenda de balanços trimestrais desta semana

Confira a agenda de balanços trimestrais desta semana
Por volta das 10h38, nesta segunda-feira (28), o Ibovespa abriu com uma variação positiva de 1,2%, totalizando 98.163,40 pontos.

Desde meados de abril, as empresas listada na Bolsa de Valores de São Paulo (B3) passaram a apresentar seu primeiros balanços de 2020, sob grande atenção de seus acionistas.

Os investidores mostram-se atentos aos impactos da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) nos balanços do primeiro trimestre. Na última semana, foram divulgados resultados importantes, como do Banco Inter, da Marfrig e da Lojas Renner. Veja quais resultados serão divulgados nesta semana:

EmpresaTickerData
MarcopoloPOMO3/POMO425/05
Magazine LuizaMGLU325/05
Banco BanestesBEES326/05
IguatemiIGTA326/05
RumoRAIL327/05
Cosan LogísticaRLOG328/05
EletrobrasELET3/ELET628/05
TriunfoTPIS328/05
OiOIBR3/OIBR428/05
Cia HeringHGTX328/05

Na última terça-feira (19), o Banco Inter (BIDI3; BIDI4) registrou um prejuízo de R$ 9,871 milhões no primeiro trimestre de 2020. No mesmo período do ano passado, o banco tinha registrado um lucro líquido de R$ 12,076 milhões.

Garanta acesso gratuito à eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas com um único cadastro. Clique para saber mais!

Segundo o banco, “o impacto no lucro líquido do trimestre é o resultado, principalmente, da redução do resultado dos títulos e valores mobiliários que apresentou uma redução de R$ 22,6 milhões fortemente impactado pelo ajuste da carteira marcada a valor de mercado”.

Já a Marfrig (MRFG3), na última segunda-feira (18), apresentou um lucro líquido de R$ 32 milhões no primeiro trimestre deste ano. Esse valor corresponde a uma alta de 643% em relação ao mesmo período do ano em 2019, quando ficou em R$ 4 milhões.

A Marfrig ainda informou que sua receita líquida, entre janeiro e março desse ano, apresentou uma alta de 26,6% em relação a mesma época em 2019, ficando em R$ 13,5 bilhões.

Já a Lojas Renner (LREN3) divulgou um lucro líquido de R$ 10,4 milhões no primeiro trimestre. Esse valor é correspondente a uma queda de 93,6%, em comparação com o mesmo período no ano passado, quando havia registrado R$161,6 milhões.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 110,9 milhões, baixa de 64,9% em comparação de base anual. A queda significativa, segundo a varejista de roupas, é devido ao fechamento das lojas em razão da pandemia do novo coronavírus.

Com um menor movimento nesta semana em relação às últimas semanas, todas as empresas de capital aberto do Brasil deverão divulgar seus balanços trimestrais até o último dia de junho.

Jader Lazarini

Compartilhe sua opinião