Papeis da Copel avançam com Ebitda 45% maior no quarto trimestre

Papeis da Copel avançam com Ebitda 45% maior no quarto trimestre
A Companhia Paranaense de Energia- Copel (CPLE3) divulgou suas prévias operacionais do terceiro trimestre desse ano

O Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization (Ebitda) do quarto trimestre de 2018 da Copel foi de R$ 756,6 milhões. Ao passo que nos três últimos meses do ano retrasado, foram R$ 521,7 milhões. Desta forma, o avanço foi de 45%.

Com isso, as ações da Copel, empresa do setor de energia elétrica do Paraná, foram valorizadas na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão), por volta das 14h25, em:

Contabilizando todo o ano passado, o Ebitda da Copel foi de R$ 3,143 bilhões. Aumento de 9,4% sobre os R$ 2,873 bilhões de 2017.

A Copel obteve lucro líquido de R$ 390,8 milhões no quarto trimestre de 2018. Alta de 193,2% sobre os R$ 133,3 milhões do mesmo período de 2017.

No acumulado do ano passado, o lucro líquido foi de R$ 1,444 bilhão, avanço de 29,1% ante o ano retrasado, quando o lucro foi de R$ 1,118 bilhão.

A receita operacional líquida da Copel, entre outubro e dezembro de 2018, foi de R$ 3,671 bilhões. Assim, na comparação anual, houve acréscimo de 6,1% sobre R$ 3,910 bilhões arrecadados.

No acumulado dos 12 meses do ano passado, a receita operacional líquida foi de R$ 14,934 bilhões. Subida de 6,5% ante os 12 meses do ano anterior (R$ 14,024 bilhões).

Por fim, a margem Ebtida no balanço financeiro divulgado pela Copel, foi de:

  • quarto trimestre de 2018: 20,6%, alta de 54,5%, sobre os 13,3% do mesmo período de 2017.
  • 2018: 21,0%, alta de 2,7% sobre os 20,5% de 2017.

Saiba mais – Contas de luz podem subir até 5% devido a baixo volume de chuvas

Menos investimentos em 2019

No balanço financeiro divulgado pela Copel, a empresa conta que fará menos investimentos em 2019, em comparação com 2018:

“Em 2019, a Copel pretende realizar investimentos no montante de R$ 2,0 bilhões, uma redução de 22,4% em relação ao que foi realizado no ano de 2018.

Destaca-se o segmento de distribuição, com investimentos planejados no montante de R$ 836,0 milhões para execução de obras de melhoria, modernização, ampliação e reforço do sistema de distribuição de energia elétrica no Paraná. Empreendimentos de geração e transmissão vão receber R$ 854,0 milhões que serão alocados, basicamente, na conclusão das obras em curso”, afirmou a Copel.

Amanda Gushiken

Compartilhe sua opinião