Acesso Rápido

    O que são Units? Entenda como funciona esse tipo de ação

    O que são Units? Entenda como funciona esse tipo de ação

    Todo investidor iniciante no mercado financeiro tem dúvidas na horas de investir. Seja sobre as características de cada ativo ou as diferenças entre eles, principalmente quando o assunto são ações ordinárias, ações preferenciais, BDRs e units.

    As units são um tipo de ação para quem deseja diversificar a carteira de investimento e se beneficiar de diferentes classes de ativos na bolsa de valores.

    O que são Units?

    As Units são um tipo de ativo, negociadas no mercado financeiro, que concentram em si duas ou mais ações de uma empresa. Conhecidas também como depósito de ações, elas podem ser compostas por ações ordinárias (ON), ações preferenciais (PN) e bônus de subscrição.

    As units são negociadas no mercado a vista como um conjunto ou unidade. Assim, na bolsa de valores brasileira (B3) é comum encontrar units formadas por diferentes classes de ações através um único pacote, por exemplo: 2 ON + 1 PN.

    E-book: Comece a Investir na Bolsa

    Comece a investir! Saiba tudo que você precisa saber para dar os seus primeiros passos na Bolsa com o nosso Manual Gratuito do Investidor Iniciante!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Desta maneira, o investidor pode usufruir dos benefícios de todo o conjunto, como direito a voto nas assembleias e prioridade no recebimento dos proventos.

    As principais características técnicas das Units são:

    • Prazo de liquidação da unit: D+2 contado após a data de negociação;
    • Lote padrão da unit: 100 ações no mínimo. Porém, no mercado fracionário pode ocorrer negociações em quantidades inferiores;
    • Cotação da unit: Reais por Unit, com 02 casas decimais;
    • Código de negociação da unit: XXXX11

    Diferença das units para os outros tipos de ações

    Apesar de apresentarem características específicas, surgem muitas dúvidas sobre a diferença entre ações ordinárias, preferenciais, BDRs e units.

    Ações ordinárias

    As ações ordinárias representam uma parcela do capital social de uma empresa, sendo a principal característica o direito ao voto em assembleias corporativas. Além disso, são identificadas pelas letras ON e o número 3 após a sigla da companhia, como ITUB3.

    Ações preferenciais

    As ações preferenciais, como o próprio nome diz, tem como característica a preferencia no preferência no recebimento dos dividendos e juros sobre capital próprio. Elas são representadas pelas letras PN e terminam com o número 4 (PETRO4).

    BDRs

    Os BDR (Brazilian Depositary Receipts) são ativos negociados na bolsa de valores brasileira, B3, que representam ações de empresas estrangeiras. São conhecidos como Certificado de Depósito de Valores Mobiliários e permite que investidores brasileiros acesse as ações emitidas no exterior como: Disney, Google, Apple, Amazon, entre outros.

    Units

    Já as units são como um pacote de ações, que pode englobar ações ordinárias, preferenciais, BDRs e bônus de subscrição. Assim, o investidor se beneficia das características de cada ativos, como direito a voto e prioridade no recebimento dos dividendos.

    Como as units são compostas?

    As units são compostas por ativos de classes distintas e podem ser identificadas através do número 11 após o código da empresa. Por exemplo, as units das ações do Santander BR é SANB11 e possuem 1 ON e 1 PN. Já as do Banco Inter (BIDI11) contem 1 ON e 2 PN.

    Veja abaixo a composição de algumas units:

    Desse modo, a composição completa pode ser encontrada no site da Bolsa de Valores Brasileira, B3.

    Quais as vantagens das Units?

    Em geral, as units apresentam um volume de negociação e liquidez superior que as próprias ações que as compõem. Além disso, as vantagens das units são:

    • Potencial de rentabilidade no longo prazo;
    • Distribuição de dividendos periodicamente;
    • Acessível aos pequenos investidores;
    • Facilidade de negociação;
    • Possibilidade de emprestar o ativo e receber rendimentos extras;
    • Eficiência tributária – isenção de IR para venda total no mês inferior a R$20 mil.

    Como investir em units?

    O primeiro passo para investir em uma unit é abrir conta em uma corretora. Entretanto, é importante pesquisar sobre as facilidades os serviços oferecidos e entre cada uma delas. Feito isso, basta acessar o home broker e emitir as ordens de compra, assim como acontece com as ações.

    Se você já investe fica muito mais fácil, só não se esqueça de acompanhar sua carteira de investimentos. Assim, as units é uma opção para quem deseja diversificar seu portfólio e se expor ao mercado de ações.

    É essencial que o investidor iniciante fique atento as características de cada modalidade de ativo e veja se está alinhado aos seus objetivos. Dessa forma, é preciso elaborar uma estratégia para alocar o capital respeitando o perfil de risco de cada um. 

    Ficou com mais alguma dúvida sobre as units? Comente abaixo!

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *