Muitos investidores buscam opções mais rentáveis, conservadoras, mas que também tenham liquidez e fácil acesso como a poupança, e nesse sentido, muitos não sabem, mas o Tesouro Selic pode ser uma boa alternativa.

O Tesouro Selic, antigamente conhecido como “LFT”, ou Letra Financeira do Tesouro, é um título público emitido pelo governo federal, pré-fixado, e indexado à Taxa Selic.

Esse título, ao contrário de outros, como o Tesouro IPCA, por exemplo, não costuma sofrer variações em seu preço, o que confere ao investidor uma grande previsibilidade e estabilidade de retorno.

Ou seja, o Tesouro Selic é ótimo para aqueles investidores que buscam um investimento conservador, que não sofra oscilação de mercado e que ainda ofereça uma rentabilidade razoável.

Sendo assim, investidores que ainda deixam suas reservas na caderneta de poupança, poderiam considerar migrar os recursos para o Tesouro Selic, onde obteriam, sem dúvidas, uma rentabilidade mais atrativa no longo prazo.

Abaixo enumeramos as principais vantagens e desvantagens do Tesouro Selic:

VANTAGENS

  • Rentabilidade maior que a poupança e muitas vezes maiores que fundos indexados ao CDI
  • Alta liquidez, permitindo resgates em D+1
  • Relativa segurança, visto que, em tese, o governo federal é o melhor credor de todos
  • Preços dos título dificilmente sofrem retrações, ou seja, o investidor corre baixíssimo risco de ver seu patrimônio desvalorizando
  • Não possui taxas de administração, ao contrário de fundos de investimento que muitas vezes cobram taxas elevadas para aplica o dinheiro justamente no Tesouro Selic. No entanto, há uma taxa cobrada pela B3 de cerca de 0,30% ao ano, o que ainda o faz bem mais atrativo que a maioria dos fundos
  • Boa opção para reserva de capital para quem deseja fazer uma reserva de emergência ou acumular capital para a compra de um bem, ou mesmo ações e FIIs
  • Rentabilidade diária, ao contrário da poupança. No Tesouro Selic o investidor consegue ver seu dinheiro crescendo diariamente. Na poupança, caso realize um resgate antes dos 30 dias, não receberá os juros proporcionais
  • Baixo valor de aplicação inicial, sendo que a partir de R$ 91,00 o investidor já pode comprar a fração de um título

DESVANTAGENS

  • Baixa rentabilidade no curto prazo, devido ao imposto de renda e IOF, que acabam por comprometer fortemente o retorno nos primeiros meses de investimento
  • Em períodos de queda na Selic, como o atual, a rentabilidade do Tesouro Selic é impactada negativamente, visto que está indexado ao mesmo
  • Eventualmente pode não proteger o capital do investidor da inflação, visto que não possui indexação aos índices inflacionários e sofre tributação

Vale à pena investir?

Em nossa visão, tanto o investimento em ações quanto a aplicação em fundos imobiliários sempre serão as opções mais rentáveis para o longo prazo, porém, nem sempre esses ativos estão sendo negociados a preços atrativos, e por conta disso, é recomendável que o investidor tenha uma reserva de caixa para utilizar em momentos de estresse do mercado. O Tesouro Selic é ótimo para isso.

Além do mais, como nem todo investidor tolera as oscilações de mercado da renda variável, o Tesouro Selic pode ser uma boa opção para estes, para compor um portfólio diversificado.

Por fim, não temos dúvidas que para o aplicador que hoje possui recursos na poupança e destina suas economias para a Poupança, o Tesouro Selic é, sem dúvidas, a opção mais inteligente, visto que oferece rentabilidade mais elevada, com a mesma segurança. 

Como começar a investir no Tesouro Selic? 

Atualmente, comprar títulos do tesouro é muito fácil e qualquer investidor pode realizar o investimento facilmente.

Para isso, basta que o investidor abra uma conta em uma corretora de valores, que inclusive pode ser a do seu banco, e após a abertura da mesma, o aplicador estará apto a comprar os títulos.

Normalmente as corretoras disponibilizam uma plataforma bastante fácil e simplificada de negociação de títulos, a qual o investidor pode escolher o título que deseja comprar , o valor a investir e realizar o investimento diretamente, sem complicações.

Conclusão 

Tanto para quem possui maior experiência com investimentos em renda fixa e renda variável, tanto para quem está iniciando, o Tesouro Selic é uma boa opção para compor uma carteira diversificada, visto que entrega um retorno interessante, frente outras opções de renda fixa, como CDB’s, Fundos e Poupança, com baixíssimo risco.

Além do mais, sair do conforto da poupança ou do CDB e aplicar no Tesouro Selic pode fazer com que o investidor procure mais informações e conhecimento sobre o mercado, o que acabará influenciando-o positivamente no futuro.

Comentários

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

©2017 SUNO RESEARCH | Investimentos inteligentes

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account