Acesso Rápido

    Tesouraria: entenda a função desse setor dentro de uma empresa

    Tesouraria: entenda a função desse setor dentro de uma empresa

    Dentro da área financeira de uma empresa há diversos setores, como controladoria, fiscal e tesouraria. Juntos, eles cuidam desde da contabilidade da empresa até a gestão de caixa e análise de lucratividade do negócio.

    Cada uma dessas áreas tem sua própria importância. Entretanto, o setor de tesouraria é um grande auxiliar no cumprimento do planejamento financeiro do empreendimento.

    O que é tesouraria?

    A tesouraria é o setor de uma empresa responsável pela entrada e saída de recursos financeiros, mantendo a organização dos gastos e dos rendimentos.

    Por isso, este setor é um dos que mais conhecem o funcionamento e a situação de toda a empresa — tanto do ponto de vista financeiro quanto do ponto de vista operacional.

    Minicurso: Contabilidade para Investidores

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito e aprenda os principais conceitos de contabilidade para quem quer investir em empresas na Bolsa de Valores!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    O papel da tesouraria na estrutura do negócio

    Cada setor da área financeira de um negócio tem uma função específica.

    A controladoria é a responsável por controlar a contabilidade do empreendimento, mediante planejamento. A área fiscal, por sua vez, é responsável pelos tributos da empresa.

    Com isso, estes profissionais devem emitir notas fiscais, pagar os impostos devidos e acompanhar as mudanças na legislação com relação aos tributos.

    Já a tesouraria tem como função administrar o caixa do negócio e, até mesmo, alocar valores determinados pelo planejamento estratégico financeiro em investimentos.

    No fundo, a tesouraria desempenha a função de gestora financeira de curto prazo da empresa. Dessa forma, direta ou indiretamente, todas as áreas da empresa terão algum vínculo com a tesouraria.

    Funções e tarefas da tesouraria

    tesouraria

    A tesouraria é responsável por movimentar parte dos ativos circulantes da empresa.

    Por isso, cabe a ela direcionar o dinheiro de forma a assegurar a manutenção e viabilidade de todos os negócios da empresa.

    Algumas das atividades sob a responsabilidade da tesouraria são:

    • Rotinas de crédito e cobrança, que implica em analisar cadastro de clientes e administrar duplicatas.
    • A gestão das contas a pagar também faz parte do trabalho da tesouraria. Isto implica em controlar as cobranças bancárias, os descontos e o que é devido, de modo geral.
    • A tesouraria ainda é a responsável pelos dados que compõem a conta caixa no balanço patrimonial da empresa.
    • Nos casos mais avançados, o trabalho da tesouraria inclui a negociação e controle de aplicações de recursos financeiros.

    Nesse ultimo caso, a tesouraria fica responsável por analisar a rentabilidade destas aplicações, para realocá-las se for o caso. É necessário ainda fazer a análise de crédito do negócio junto às instituições financeiras. Assim, o negócio saberá o que é possível fazer em caso de necessidade de empréstimo.

    Além disso, é preciso acompanhar as flutuações de câmbio, para as empresas que atuam com comércio internacional, por exemplo. Isso inclui negociar as taxas de fechamento de câmbio com as instituições financeiras.

    Tesouraria em pequenos negócios

    Claro que esta estrutura organizacional formada por controladoria, fiscal e tesouraria é montada especialmente em grandes empresas.

    Nos pequenos negócios, onde há equipes reduzidas, um único setor costuma ser responsável por todas estas atividades. Entretanto, isto implica em assumir o risco de uma gestão financeira ineficiente.

    Por isso, a gestão de tesouraria é tão importante para o bom andamento do negócio. Inclusive porque uma má administração neste segmento pode ocasionar até a falência do negócio.

    Para tornar esse entendimento mais fácil, a Suno Research oferece um minicurso sobre Contabilidade para quem não tem formação neste segmento.

    Desta forma, a compreensão acerca do impacto da tesouraria nas organizações, o que afeta diretamente os investidores, pode ser obtida de forma mais completa.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    3 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • […] é vital para o sucesso de um negócio, as áreas: controladoria, fiscal e tesouraria auxiliam no processo de contabilidade do negócio, na gestão do caixa e na análise de resultados (lucratividade) da […]

      Responder
    • Vinicius 12 de abril de 2020

      Texto excelente

      Responder
    • Maria de Fatima Teixera Delgado 8 de maio de 2020

      sou mãe do aluno Pedro Victor eu paguei o mês de maio em ves do de abril quero outro novo boleto com o desconto a que tenho direito se for atendida obg.

      Responder