Acesso Rápido

    SWOT: entenda a importância dessa ferramenta gerencial

    SWOT: entenda a importância dessa ferramenta gerencial

    Análise SWOT é uma ferramenta frequente nas empresas. Afinal, dentro da linha de administração estratégica, esse é um importante instrumento de auxílio aos gestores.

    Mas, há sempre dúvidas pertinentes sobre como desenvolver uma análise SWOT. Principalmente referente a coleta de dados. Essas são questões que fazem parte da rotina da governança corporativa.

    O que é  SWOT?

    A análise SWOT é uma ferramenta utilizada pelas empresas para identificar os pontos fortes e pontos fracos dos seus concorrentes e de si mesma, bem como encontrar as oportunidades e ameaças do mercado.

    E-book: Comece a Investir na Bolsa

    Comece a investir! Saiba tudo que você precisa saber para dar os seus primeiros passos na Bolsa com o nosso Manual Gratuito do Investidor Iniciante!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    A sigla SWOT corresponde às iniciais das seguintes palavras:

    • Strengths – Forças;
    • Weaknesses – Fraquezas;
    • Opportunities – Oportunidades;
    • Threats – Ameaças.

    Essa análise também é conhecida como análise FOFA, por representar as iniciais das palavras escritas em português. Embora os nomes sejam diferentes, a matriz SWOT e matriz FOFA são a mesma coisa.

    Quais benefícios da análise SWOT para o meu negócio?

    Como vimos, essa matriz tem a finalidade de esmiuçar um determinado segmento como um todo. E por isso ela é tão importante. Pois além de ser um instrumento do planejamento estratégico, também se torna um grande apoio para o planejamento financeiro da empresa.

    Quando uma empresa se dedica a desenvolver a matriz FOFA ela consegue identificar com mais clareza os rumos do seu negócio. Normalmente, conseguirá saber se está em um mercado promissor ou não.

    Ao se analisar os pontos fortes e fracos, a empresa conseguirá vislumbrar o que precisa melhorar em relação ao valor que está oferecendo para os clientes.

    Para encontrar esses pontos é necessário muito critério e senso crítico. A pesquisa de mercado pode ajudar nisso, onde o próprio cliente ao experimentar dois produtos pode dizer o que achou de um e de outro.

    Ou seja, ele pode apontar o produto da empresa em relação ao produto da concorrência, falando o que achou da experiência com ambos. Isso gera informações preciosas para o negócio. Por isso a análise SWOT de uma empresa é tão importante.

    Quer aprender a investir em fundos imobiliários? Conheça o minicurso investindo em fundos imobiliários.

    O estudo setorial é sempre muito importante

    Além do estudo dos produtos em questão é sempre muito importante a empresa atentar-se nas ameaças e oportunidades do setor. E esse também é um dos principais objetivos da matriz SWOT: mostrar as oportunidades e ameaças.

    Desse modo é possível antever a chegada de um concorrente potencial, a substituição do produto por outras tecnologias, entre outros. Vamos imaginar nesse caso um exemplo bastante contundente, as videolocadoras.

    Uma rede de vídeo locadora até o início da década passada estava em constante expansão. Essa rede tinha a capacidade de avaliar os pontos fortes e fracos e sempre oferecer o melhor serviço para o cliente.

    Todavia, com o avanço tecnológico, existia o risco dos vídeos online ficariam cada vez mais acessíveis. Essa era uma ameaça de mercado. E o empresário do setor que conseguiu avaliar isso pôde mudar a tempo.

    Já, um mesmo empresário que não se atentou a essa ameaça, pode ter persistido no negócio, perdendo tudo que conquistou. Esse é apenas um exemplo para demonstrar a importância da análise FOFA.

    Como aplicar essa análise na empresa?

    Normalmente essa análise deve ser realizada envolvendo vários departamentos da empresa. Isso garante uma visão mais ampla da empresa como um todo.

    Para identificar com precisão os pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças é necessário, portanto, ter em mente que é preciso colher dados do mercado. Ouvir os clientes, saber a percepção que carregam do futuro, entre outros.

    Estudar hábitos de consumo do público-alvo da empresa e avaliar toda a antropologia do consumo do setor ajudam a delimitar as ameaças e oportunidades que possam vir a surgir.

    Além disso, estar atento como a empresa reagiria, caso ocorra uma crise econômica, também pode ser analisada durante a aplicação do SWOT.

    Resumidamente, essa é uma ferramenta que pode ajudar uma empresa a sobreviver por mais tempo dentro de um segmento.

    Foi possível saber mais sobre SWOT? Deixe suas dúvidas nos comentários abaixo.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *