Acesso Rápido

    Seguro de renda: entenda mais sobre esse tipo de proteção

    Seguro de renda: entenda mais sobre esse tipo de proteção

    O seguro de renda garante uma proteção financeira para profissionais autônomos em caso de acidentes que impeçam o profissional de trabalhar.

    Também chamado de seguro de incapacidade temporária e seguro de renda protegida, o seguro de renda indeniza os segurados em caso de doença, invalidez ou morte. Isso faz dele uma opção interessante para profissionais autônomos que não abrem mão do planejamento financeiro.

    O que é seguro de renda?

    O seguro de renda é uma proteção que profissionais autônomos e liberais, como médicos, cabeleireiros ou taxistas, utilizam para garantir uma fonte de renda caso não consigam trabalhar por algum motivo.

    Como esses profissionais, podem não estar segurados pela Previdência Social, o seguro garantia de renda oferece um auxílio para que eles trabalhem sabendo que, em caso de acidente, o sustento está garantindo por alguns meses.

    Planilha de Controle de Gastos

    Não perca o controle das suas finanças! Baixe nossa planilha gratuita de controle de gastos e organize melhor toda a sua vida financeira!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    A nomenclatura varia entre as seguradoras, por isso é possível encontrar esse seguro com diversos nomes: 

    • Seguro de Incapacidade Temporária
    • Seguro de renda protegida
    • Seguro de renda familiar
    • Seguro Renda Profissional
    • Seguro garantia de renda

    Na prática, porém, esses seguros cobrem a mesma coisa: eventos em que o segurado fica impedido de trabalhar para garantir o próprio sustento.

    Você é profissional autônomo e precisa controlar melhor suas finanças? Faça o download gratuito da nossa planilha de orçamento familiar e organize sua vida financeira.

    Como funciona o seguro garantia de renda?

    Criado para garantir a renda de profissionais autônomos e liberais, que não são segurados pelo INSS, o seguro garantia de renda é acionado quando o trabalhador é impedido de trabalhar.

    Isso pode acontecer, por exemplo, em caso de acidentes, invalidez ou morte – as três principais categorias que o esse seguro cobre,

    É fácil de entender como funciona o seguro garantia de renda: é definido um período de carência, o valor para a franquia e o valor da indenização para cada tipo de cobertura.

    Quando um dos eventos previstos ocorre, o segurado ou sua família comprovam o que aconteceu e passam a receber o valor acordado.

    No caso da seguro de renda que garante uma Diária por Incapacidade Temporária, é calculado um valor mensal para cobrir os custos enquanto o trabalhador não pode voltar à ativa.

    Já em caso de morte ou invalidez permanente, o seguro paga uma indenização.

    Para que a seguradora e o segurado cheguem a um consenso sobre o valor da indenização, é comum que a seguradora exija do profissional autônomo um comprovante de renda, que vai servir como parâmetro para os cálculos.

    Em quais casos o seguro de renda cobre?

    Há três casos principais em que esse seguro é chamado de seguro de renda protegida, pode ser acionado:

    Invalidez

    Caso o trabalhador liberal ou autônomo sofrer um acidente que o impossibilite de trabalhar de forma permanente, como a amputação de um braço ou de uma perna, ele receberá uma indenização da seguradora. 

    Morte Acidental

    Se o trabalhador autônomo ou liberal falecer por causa de um acidente, seus beneficiários e familiares vão receber a indenização que foi acordada em contrato. 

    Incapacidade temporária – DIT

    O Seguro de Incapacidade Temporária, conhecido pela sigla DIT (Diária de Incapacidade Temporária), garante uma indenização calculada por dia não trabalhado, até o limite previamente acordado entre as partes.

    Esse seguro é acionado quando o segurado sofre um acidente, por exemplo, e fica impossibilitado de trabalhar por tempo determinado. 

    Nesse caso, ele fica com renda garantida durante o período. É por isso que, em muitos casos ele é chamado de seguro garantia de renda.

    Vantagens e desvantagens do seguro de renda

    Como qualquer outro tipo de seguro, há vantagens e desvantagens. Cabe ao possível segurado comparar valores e entender as propostas para calcular se vale a pena comprar o seguro, levando em consideração o estilo de vida.

    Vantagens do seguro de renda

    Entre as vantagens do seguro de renda, é possível mencionar:

    • Garantia em caso de acidente ou outros eventos impossíveis de prever;
    • Tranquilidade para seguir a rotina mesmo não tendo vínculo profissional ou proteção do INSS;
    • Bom custo-benefício, principal para profissionais que não se expõem a riscos diariamente.

    Desvantagens do seguro de renda

    Entre as desvantagens do seguro de renda, é possível mencionar:

    • Possíveis problemas de saúde que o seguro não cobre;
    • Aumento considerável no custo mensal;
    • Período de carência para ter acesso aos benefícios do seguro;
    • Burocracia para comprovar os eventos, como acidentes

    Minicurso: Investindo no Tesouro Direto

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito e aprenda os principais conceitos sobre o Tesouro Direto para quem quer começar a investir!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Quando considerar um seguro de renda?

    Profissionais autônomos, como cabeleireiros, médicos e advogados podem encontrar, no seguro de renda, uma segurança que não teriam de outra maneira.

    Esse seguro garante uma proteção em caso de invalidez, morte acidental ou afastamento temporário.

    Mas, antes de tomar qualquer decisão, é preciso identificar os trâmites de burocracia, calcular o custo-benefício e descobrir os termos do seguro, como apólice, condições gerais e especiais. Esse custo pode pesar muito no orçamento mensal e pode não ser interessantes para as metas financeiras.

    Na prática, é a mesma comparação utilizada por quem vai contratar outros tipos de seguro, em que é preciso considerar todos os parâmetros do seguro, como o índice de sinistralidade, por exemplo. 

    A melhor dica, para quem está considerando contratar um seguro garantia de renda, é pesquisar o maior número de opções possível, para só então tomar a decisão.

    Dessa maneira, é possível encontrar o seguro com o melhor custo-benefício para cada situação.

    Foi possível saber mais sobre seguro de renda? Deixe suas dúvidas nos comentários abaixo.

    Gabriela Mosmann
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *