Acesso Rápido

    Resumo da Semana: Ibov segue em alta e julgamento se aproxima

    Resumo da Semana: Ibov segue em alta e julgamento se aproxima

    20 de janeiro de 2018

    A terceira semana do ano de 2018 encerrou-se com o índice Ibovespa renovando mais uma vez a sua máxima histórica, tendo atingido, no decorrer do dia, o patamar dos 81.429 pontos. Contudo, logo em seguida o principal benchmark da bolsa brasileira perdeu um pouco o fôlego, e fechou o pregão de hoje cotado a 81.220 pontos, o que representou uma alta de 0,32% no dia. No ainda curto ano de 2018, o índice já se valorizou em 6,31%.

    IBOV em alta

    Já o Ifix, o índice que reflete o comportamento médio dos fundos imobiliários negociados na bolsa de valores, terminou o dia apontando 2.268 pontos. Com isso, o desempenho deste indicador segue também positivo em 2018, tendo se valorizado em 1,85% até então.

    É possível perceber que o mercado financeiro brasileiro tem se mostrado otimista nesse início de ano, o que entendemos ser este um reflexo da retomada da economia iniciada no segundo semestre do ano passado, além da consequente tendência de aumento da empregabilidade, controle da inflação e manutenção das taxas de juros.

    Como sempre gostamos de destacar, contudo, esse tipo de cenário nos deixa cautelosos, sobretudo no que diz respeito a possíveis aumentos de volatilidade no mercado com o prosseguimento das reformas e a proximidade das eleições presidenciais.

    Em meio à toda essa euforia, entretanto, é preciso lembrar que outros fatores políticos também podem demonstrar sua influência no mercado nos próximos dias, haja vista que se aproxima o dia previsto para o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, marcado para as 8h30 da próxima quarta-feira (24).

    É impossível saber com antecedência como a bolsa reagirá a esse evento, porém entendemos que o mercado brasileiro se caracteriza por ser um mercado de oportunidades e, por conta disso, seguiremos vigilantes no que diz respeito a possíveis descontos que venham a surgir nos preços de bons ativos por conta de fatores externos.

    Seguiremos preparados para que, caso se concretizem tais descontos, consigamos repassar a nossos assinantes algumas interessantes indicações as quais já estão há bastante tempo sob nosso monitoramento à espera do momento ideal para serem realizadas.


    Conteúdos premium da semana:


    Conteúdos gratuitos em destaque: