Acesso Rápido

    Resumo da Semana: Grupo Soma assina memorando para adquirir marca de Nati Vozza, Havan desiste de IPO, Ânima e Ser Educacional firmam acordo e extinguem processos e BTG Pactual compra Necton Corretora.

    Resumo da Semana: Grupo Soma assina memorando para adquirir marca de Nati Vozza, Havan desiste de IPO, Ânima e Ser Educacional firmam acordo e extinguem processos e BTG Pactual compra Necton Corretora.

    O índice Ibovespa encerrou a última semana registrando 93.952,40 pontos, o que representou, na última sexta-feira (30), uma variação negativa de -2,72%. Na semana, o principal índice de ações negociadas na bolsa de valores brasileira teve desvalorização de aproximadamente -7,22%. Em 2020, o índice segue negativo, com uma baixa expressiva de -18,75% até o momento.

    Já o Ifix – o índice de referência dos Fundos de Investimentos Imobiliários – encerrou a última sexta-feira (30) aos 2.766,76 pontos, o que representou uma queda de -0,28% no dia. Na mesma semana e no acumulado de 2020, o índice performou: -1,9% e -13,47%, respectivamente.

    Grupo Soma assina memorando para adquirir marca de Nati Vozza

    O Grupo Soma assinou um acordo para adquirir a marca de roupas da blogueira de moda Nati Vozza, chamada NV, no valor de R$ 210 milhões.

    • De acordo com o memorando, o Grupo Soma pagará para Natalia Vozza e Antônio Junqueira (sócios na NV) uma parte da transação em dinheiro e a outra em ações.
    • A ‘NV’ é uma marca criada pela empresária Natalia, considerada como uma das primeiras grandes marcas brasileiras de vestuário feminino essencialmente digital.
    • A marca adquirida possui cinco lojas próprias e um site de vendas online, além de realizar vendas por atacado em um showroom próprio, atingindo um faturamento de R$ 100 milhões em 2019.

    Havan desiste de IPO

    A Havan desistiu de sua oferta pública inicial de ações (IPO), devido a volatilidade do mercado.

    • Com a oferta anunciada em agosto, Luciano Hang planejava vender uma fatia de sua rede de lojas.
    • A companhia tinha como objetivo utilizar os recursos líquidos obtidos através da oferta primária em investimentos na expansão de lojas e de centros de distribuição, além de financiar o crescimento orgânico da empresa.
    • A expectativa da companhia era estrear na bolsa, com um valor de mercado próximo a R$ 70 bilhões.
    • No início de outubro, os bancos coordenadores da oferta já haviam recomendado que a companhia não finalizasse a operação nesta janela, devido a alta volatilidade do mercado acionário.

    Minicurso: Contabilidade para Investidores

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito e aprenda os principais conceitos de contabilidade para quem quer investir em empresas na Bolsa de Valores!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Ânima e Ser Educacional firmam acordo e extinguem processos

    A Ânima e a Ser Educacional chegaram a um acordo, junto ao Grupo Laureate, para extinguir os processos judiciais e arbitrais nos quais as empresas estavam envolvidas.

    • As empresas reconheceram o direito da Ser receber o valor de R$ 180 milhões em dinheiro,  ou em ativos da Ânima, por meio da transferência de 100% das ações da Sociedade Paraibana de Educação e Cultura (Aspec) e da Sociedade Capibaribe de Educação e Cultura (Socec), mantenedora da Faculdade Internacional da Paraíba (FRB) e do Centro Universitário dos Guararapes (UNIFG).
    • O prazo final para estas operações é de 04 de novembro de 2020.
    • Além disso, a Ânima também concedeu à Ser uma opção de compra, por valor fixo pré-acordado, de 100% das quotas das sociedades mantenedoras da UniRitter, do Centro Universitário FADERGS – ambos em Porto Alegre, e do Centro Universitário Hermínio da Silveira (IBMR) – localizado no Rio de Janeiro.

    BTG Pactual compra Necton Corretora

    O BTG Pactual anunciou a aquisição da Necton Investimentos pelo valor de R$ 348 milhões.

    • A Necton Investimentos possui mais de 40 mil clientes, além de cerca de R$ 16 bilhões em ativos sob custódia. A empresa possui dois anos de mercado, sendo fundada a partir da fusão entre duas corretoras, a Spinelli e a Concórdia.
    • Segundo o CEO da Necton, o BTG vai ser importante pois injetará recursos para acelerar o crescimento da empresa.
    • O BTG, em agosto, possuía R$ 120 bilhões em ativos sob custódia, de acordo com dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais (Anbima).