Recompra de ações

Se você investe em ações já deve ter recebido um comunicado de recompra de ações. Ou se está iniciando deve lido notícias a respeito.

Quando uma empresa deseja fazer recompra de ações ela pode estar se aproveitando de um momento do mercado para utilizar seu capital de forma inteligente.

A recompra de ações é um método em que a empresa compra ações no mercado para custodiá-las em sua tesouraria ou cancelá-las. Em geral, a ação é feita quando a companhia considera que o preço de suas ações está abaixo do seu valor.

Isso pode acontecer por um momento irracional de queda nos mercados. Ou se a empresa considera que o mercado não está avaliando corretamente seu real valor.

Por isso, a ação é vista em geral pelo mercado como uma sinalização da empresa de que acredita no potencial de suas ações.

Caso as ações sejam canceladas, o número de acionistas diminui. Logo, o lucro total da companhia é dividi-lo por menos pessoas. O que significa que a empresa retém mais o lucro pelas ações que possui.

Já se as ações forem mantidas pela empresa em sua tesouraria, ela irá esperar o melhor momento para vendê-las. Como acredita que o seu preço irá subir, terá um lucro com a operação.

Dessa forma, empresa realiza essa ação por ser lucrativa para ela. Mas isso é benéfico para os outros acionistas?

A recompra tem conseqüências diferentes para os acionistas dependendo do que a companhia fizer com as ações compradas.

Caso a empresa cancele as ações o acionista passa a ter uma fatia maior da empresa. Portanto, receberá permanentemente mais dividendos pelas mesmas ações que possui.

Já se a empresa guardar os papéis, o acionista ganha quando a empresa vier a vende-los e obter lucro com a operação. Já que o ganho de capital será adicionado aos lucros da companhia e distribuído aos acionistas. Mas nessa opção, o ganho será pontual.

No entanto, quando a empresa compra as ações no mercado ela reduz o número de papéis em negociação, no chamado free float. O que diminui a liquidez dos ativos. Isso pode ser relevante dependendo do ação em questão.

Outras possibilidades para a recompra de ações

Recompra de ações

Nem sempre a empresa realiza a recompra porque suas ações estão baratas. E nesses casos, pode não ser uma sinalização tão interessante.

Uma utilização pode ser para vir a atender o programa de stock options da empresa. Ao invés de emitir novas ações para dar aos seus executivos, a empresa as compra no mercado. Dessa forma, a empresa não está diluindo suas ações no mercado.

A ação também pode vir a ser interpretada como um modo de utilizar o caixa excedente da empresa. Assim, pode ocorrer com as ações estando baratas ou não.

Ou seja, o caixa não está sendo utilizado para novos investimentos e aquisições. O que pode significar que não haja oportunidades interessantes no momento, ou que a empresa não está investindo, ou que a empresa não tem mais espaço para crescer.

Dessa maneira, a aquisições de suas ações podem indicar má gestão ou estagnação da empresa.

Por fim, a recompra de ações é um instrumento interessante a ser usado pela empresa e pode dar vantagem aos seus acionistas.

Compartilhe a sua opinião
Tiago Reis

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.