Acesso Rápido

    Radar do mercado: Vale S.A. (VALE3) divulga informações sobre mina de Brucutu

    Radar do mercado: Vale S.A. (VALE3) divulga informações sobre mina de Brucutu
    • Foi tomada a decisão de suspender, de forma temporária, a partir de hoje, a deposição de rejeitos na barragem Laranjeiras, advindos da mina de Brucutu, enquanto são conduzidas avaliações sobre as características geotécnicas da barragem.
    • Durante a paralisação, a barragem adotará o protocolo de emergência em Nível 1, de acordo com a Agência Nacional de Mineração (“ANM”), que não requer evacuação da população.
    • A barragem Laranjeiras teve sua Declaração de Condição de Estabilidade (“DCE”) emitida em 30 de setembro de 2019, que permanece válida.
    • No período em que a deposição de rejeitos estiver suspensa, estimado entre 1 e 2 meses, a usina de Brucutu irá operar com cerca de 40% de sua capacidade por meio de processamento a úmido, com rejeito filtrado e empilhado, sendo o impacto estimado da paralisação temporária em, aproximadamente, 1,5 milhão de toneladas de minério de ferro por mês.
    • Esta suspensão temporária não altera o guidance de vendas de minério de ferro e pelotas, que permanece, em 2019 e no 4T19, entre 307 e 312 Mt, e entre 83 e 88 Mt, respectivamente.
    • No entanto, para o 1T20, a expectativa é de que produção e vendas fiquem entre 68 e 73 Mt, em função da sazonalidade, do retorno gradual e seguro das operações e em linha com a estratégia de margem sobre volume.

    Planilha de Controle de Investimentos

    Faça o controle completo das suas ações, FIIs e todos os seus investimentos com a nossa planilha gratuita de Controle de Investimentos!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Sobre a Vale S.A.:

    A empresa é a líder global na extração e produção de minério de ferro, pelotas de minério de ferro e níquel. A empresa atua em 27 países de cinco continentes, produzindo manganês, ferro-ligas, cobre, metais do grupo platina, ouro, prata, cobalto, carvões metalúrgico e térmico.

    Toda infraestrutura para operar essa variedade de serviços abrange os equipamentos para a exploração mineral, escritórios administrativos e unidades operacionais conectadas por modernos sistemas integrados de logística, tais como ferrovias, terminais marítimos e portos.

    Apesar de ser uma empresa consolidada, de longo histórico no mercado, a Vale apresenta alguns riscos inerentes à sua atividade, e, por conta disso, resolvemos listar alguns dos principais riscos que avaliamos serem importantes e devem ser considerados.

    A Vale possui várias barragens de rejeitos e estruturas similares, as quais apresentam riscos de rompimento. Dessa maneira, caso um desastre como esse ocorra novamente, é esperado um severo impacto sobre a condição financeira e a reputação da companhia, além de um aperto maior na regulação referente às atividades de mineração no Brasil.

    Portanto, embora exista desconto em relação aos pares, é importante ter em mente que a Vale sempre negociou com desconto, que se situou em torno de 10%, e as incertezas em relação a possíveis novas obrigações e indenizações referentes a Brumadinho devem continuar pesando na precificação da empresa.

    Há também uma tendência negativa para os preços do minério, à medida que ocorra normalização da produção, tanto da Vale quanto da BHP. Essa tendência negativa de preços, junto das – ainda presentes – incertezas referentes a Brumadinho, devem seguir pressionando o desempenho das ações.

    Clique aqui e responda à nossa pesquisa de satisfação. Fazendo isso, você nos ajuda a trazer conteúdos cada vez melhores.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    1 comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • rafael 3 de dezembro de 2019

      Quando tinha os comentários eu gostava mais

      Responder