Por: Tiago Reis

Radar do Mercado: Suzano (SUZB3) – Companhia divulga projeções para 2019

Suzano Papel e Celulose S.A. divulgou, nesta terça-feira (26), indicações de guidance da companhia. Entre as projeções divulgadas estão os ganhos de sinergia e o CAPEX futuro da organização.

 

A Suzano é uma das maiores empresas que atua no ramo de papel e celulose do país. Detentora de uma operação complexa, a companhia possui área cultivada equivalente a duzentas vezes a área de Manhattan.

Para processar a matéria prima, a Suzano possui sete fábricas de celulose responsáveis pela produção de mais de 10 milhões de toneladas do produto.

A companhia atende 35 mil clientes distribuídos em 86 países. A figura a seguir mostra a distribuição global da organização através do modal marítimo.

Segundo a administração, a combinação das atividades da Suzano com a Fibria Celulose S.A., conforme operação concluída em 14 de janeiro de 2019, trará ganhos de sinergia que serão capturados gradualmente pela companhia.

Os ganhos estimados para a sinergia são da ordem de R$800 milhões a R$900 milhões por ano, no período 2019-2021. A companhia ainda afirma que as sinergias tributárias geradas a partir da incorporação societária da Fibria pela Suzano, acarretará em dedutibilidade da ordem de R$2 bilhões por ano no período de 2019 a 2021.

Em relação ao CAPEX, a administração prevê uma redução para 2019 em relação ao ano de 2018. O guidance para 2019 aponta para CAPEX de manutenção de R$4,0 bilhões, preservando a tendência de 2018.

Entretanto, há redução significativa nas projeções de expansão e modernização. Em 2018, o CAPEX de expansão e modernização totalizou R$2,0 bilhões, enquanto a previsão para 2019 é de apenas R$600 milhões.

A tabela a seguir apresenta o CAPEX de 2018 e as projeções para 2019.

A partir do comunicado da companhia, podemos notar que 2019 será um ano marcado pela tentativa de aproveitar as sinergias tributárias e operacionais provenientes da incorporação da Fibria. Os investimentos em expansão e modernização serão reduzidos e a companhia focará seus esforços na otimização da gestão, na tentativa de maximizar os ganhos de sinergia.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

205 artigos
Ações

FIIs

52 artigos
FIIs

CHEGOU A

ACESSE E DESCUBRA AS OFERTAS IMPERDÍVEIS QUE PREPARAMOS PARA VOCÊ!

não perca tempo! As ofertas terminam em:

DIAS
 HOR
 MIN
 SEG

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA DESCOBRIR: