Por: Tiago Reis

Radar do mercado: M. Dias Branco (MDIA3) divulga resultados do 3T19

A companhia divulgou, na última sexta-feira (08), seus resultados do período. Em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior (3T18), a receita líquida caiu 11,1%, o volume de biscoitos vendidos 19,3% e o de massas se reduziu em 19,9%.

O market share de biscoitos e massas caiu 1,4 e 2,6 pontos percentuais, respectivamente.

A M. Dias Branco tem implantado um novo modelo de precificação dos seus produtos, de acordo com o canal, o mercado e a marca. O modelo tem sido implementado com o auxílio de consultoria externa.

A margem EBITDA caiu 4,2 p.p, passando de 16,3% no 3T18, para 12,1% no 3T19, sendo impactada por menor diluição de despesas e custos fixos, por conta do volume reduzido de produção.

E-book: Investindo para Aposentadoria

Construa a sua aposentadoria! Aprenda como gerar renda passiva para garantir o seu futuro investindo nos melhores ativos do mercado.

Há de atentar-se a alguns efeitos não recorrentes, como “receitas de créditos tributários extemporâneos líquidos de honorários advocatícios de êxito (R$ 58,2 milhões)”, despesas decorrentes da integração da Piraquê no valor de R$ 2,3 milhões, R$ 23,9 milhões referentes à implementação de um modelo logístico novo e revisão do quadro de colaboradores. Não recorrentes que, somados, afetaram positivamente o EBITDA em R$ 32 milhões.

O Lucro Líquido, em comparação com o 2T19, recuou 42,6%, muito pelos fatores já mencionados, que influenciaram o EBITDA, e também pela depreciação e amortização consolidadas da Piraquê.

A M. Dias investiu R$ 77 milhões no trimestre em infraestrutura. O moinho de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, foi concluído, o projeto faz parte da estratégia de verticalizar sua cadeia de produção para tentar mitigar as flutuações do preço do trigo e do Dólar, que estão fora do controle da companhia.

A base de clientes permanece fragmentada, com a exceção de um cliente que representa 12% da Receita Líquida.

[optin-monster-shortcode id=”s2ij71voa5oe4riqxhdx”]

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

1 comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Cido Morilha 11 de novembro de 2019

    Gosto muito do case da M Dias Branco mas essas quedas constantes estão me deixando preocupado

    Responder
Leia Mais...
Outras Seções

Ações

206 artigos
Ações

FIIs

53 artigos
FIIs

GARANTA ACESSO AOS DESCONTOS EXCLUSIVOS DA CYBERWEEK

não perca tempo! As ofertas terminam em:

DIAS
 HOR
 MIN
 SEG

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA ACESSAR AS OFERTAS:

%d blogueiros gostam disto: