Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Unidas (LCAM3) sobre aquisição da Zetta Frotas

    Radar do Mercado: Unidas (LCAM3) sobre aquisição da Zetta Frotas

    A Unidas comunicou ao mercado que concluiu a aquisição do capital social da Zetta Frotas. O comunicado foi feito após a obtenção das aprovações regulatórias aplicáveis a operações dessa natureza e da assinatura do termo de fechamento da operação.

    O acordo de investimento prevê a aquisição de 18,94 milhões de ações da Zetta (que representam 100% de seu capital social). Em contrapartida, a Unidas se dispôs a pagar R$ 25 milhões e dar 2 milhões de ações de sua própria emissão.

    A operação já havia sido comunicada em 13/04, mas ainda aguardava a aprovação do CADE (Conselho Administrativo de defesa Econômica). Isso porque a aquisição da Zetta resultaria na diversificação da operação da companhia buscando a entrada em outros nichos que ainda não eram explorados por ela.

    E-book: Aprenda como analisar uma ação

    Baixe gratuitamente o nosso ebook e conheça os principais critérios para se analisar uma ação antes de investir!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Com isso, a aquisição da Zetta proporcionará a criação de uma nova subdivisão de negócios dentro da Unidas, a “Unidas Veículos Especiais”. Dessa forma, a companhia passará a oferecer veículos adaptados, como ambulâncias, UTI’s móveis, veículos de resgate, carros fúnebres e viaturas policiais.

    De acordo com a companhia, a operação de aquisição é bastante sinérgica na medida em que a Zetta tem grande expertise nesse segmento e a Unidas tem muitas vantagens competitivas em termos de capilaridade nacional.

    Além disso, a Unidas é uma das líderes no segmento de terceirização de frotas no Brasil, tem grande escala na compra de veículos e acessórios, possui uma rede extensa de seminovos e capacidade de investimento intensivo por meio de sua robusta estrutura de capital e amplo acesso aos mercados de equity e dívida.

    Por fim, a Unidas afirmou que a operação é em mais um de seus movimentos na consolidação do mercado brasileiro de terceirização de frotas.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *