A Porto Seguro informou ontem (18) que alienou a totalidade das 702.900 de sua emissão, antes mantidas em sua tesouraria, por meio de negociações na B3 – Brasil, Bolsa, Balcão ocorridas entre os pregões de 30 de agosto a 12 de setembro, o que deve contribuir para o aumento de liquidez de suas ações.

O valor total de liquidação referente à alienação das ações foi de R$ 24.490.242,45.

 

A Porto Seguro é uma corporação composta de empresas de seguros, financeiras e serviços a qual vem apresentando resultados consistentes e sólidos ao longo do tempo em sua operação.

No último trimestre, por exemplo, as suas receitas totais cresceram 5% no trimestre e 3% no semestre em comparação ao mesmo período do ano anterior, além de um lucro líquido no 2T17 de R$ 238 milhões (+36%) e de R$ 454 milhões no 1S17, o que representou também um aumento na sua rentabilidade, fatores estes que consideramos bastante interessantes por parte da companhia.

Contudo, a companhia vem apresentando um histórico de dividendos que não nos deixa confortáveis, isto por causa de uma considerável redução no seu Payout e consequente diminuição do seu Dividend Yield nos últimos três anos.

Entendemos ainda que as vendas de suas ações mantidas em tesouraria por pouco mais de R$ 24 milhões, referenciadas no comunicado feito pela companhia, contribuirão para um resultado trimestral mais robusto no próximo balanço, o que poderá ampliar, pelo menos na teoria, a remuneração de proventos para os acionistas da empresa.

Como ainda existem alguns fatores que ainda consideramos “instáveis”, principalmente em relação aos dividendos pagos pela Porto Seguro, preferimos outras empresas do setor de seguros – segmento este o qual entendemos ser ainda bastante subpenetrado no Brasil – dentre as quais inclusive indicamos algumas delas nas nossas carteiras Suno Dividendos e Suno Valor, as quais recomendamos a nossos assinantes que respeitem o preço teto de compra desses ativos, de modo que, dessa forma, bons negócios possam ser efetuados naquelas companhias.

Comentários

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

©2018 SUNO RESEARCH | Investimentos inteligentes

Share This

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account