A construtora a incorporadora Eztec divulgou ao mercado ontem o seu release de resultados em relação ao primeiro semestre do ano.

De acordo com seus dados, a construtora obteve receita líquida de R$106 milhões no segundo trimestre, em que resultou em um lucro líquido de R$22 milhões, com uma margem líquida de 21%.

Apesar de melhores resultados de receita líquida e EBITDA em relação ao primeiro trimestre do ano, que cresceram 9,2% e 36%, o seu Lucro Líquido no trimestre ficou R$ 10 milhões menor que o período anterior, o que representa uma queda de 31%.

Tal fato pode ser elucidado em função de turbulências políticas que ocorreram no meio do trimestre, que resultaram em redução na velocidade de vendas de estoque, principalmente no mês de junho.

Além disso, a construtora apresentou tal tendência de queda na receita muito por conta da redução de execução de obras e poucos lançamentos nos últimos trimestres.

Já em relação ao resultado financeiro, este foi bastante impactado pela significativa queda do IGP-DI, tendo inclusive uma deflação no período considerado. A queda das taxas de juros impactou as receitas financeiras, uma vez que a empresa tem mais aplicações do que dívida.

Apesar do cenário desafiador, a companhia encerrou o segundo trimestre de 2017 com R$293 milhões de caixa líquido, tendo gerado R$52 milhões de caixa, refletindo as recentes entregas e a gestão ativa sobre saldo devedor de seus clientes após a entrega das chaves, seja através de repasse bancário, seja através da quitação realizada pelos próprios clientes.

Muitos fatores nos fazem acreditar num cenário mais favorável para o setor de atuação da EZTEC no médio prazo, muito por conta da queda da taxa de juros básica da economia, diminuição do desemprego e a inflação mais controlada.

Paralelamente aos resultados do trimestre anterior, a construtora divulgou o lançamento do empreendimento In Design Liberdade, localizado na Zona Sul da cidade de São Paulo.

Segundo a companhia, o projeto contará com uma torre residencial, totalizando 114 unidades de padrão médio-alto, com áreas de 65 e 70 m², para um VGV total de R$ 67,8 milhões.

Com 38 anos de história, a EZTEC é uma das empresas com maior lucratividade entre as empresas de capital aberto do setor de incorporação e construção no Brasil, além de integrar o Novo Mercado da Bovespa.

Comentários
Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.
Tags:

©2017 SUNO RESEARCH | Investimentos inteligentes

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account