Acesso Rápido

    Radar do Mercado: Cielo (CIEL3) divulga dados do varejo para o mês de fevereiro

    Radar do Mercado: Cielo (CIEL3) divulga dados do varejo para o mês de fevereiro

    Em documento, a companhia destacou que o crescimento nas vendas do varejo em fevereiro de 2020 foi de 5,2% se comparado com o mesmo período do ano passado, descontada a inflação. Os dados são do Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA).

    O ICVA é um índice que foi criado pelo setor de inteligência da Cielo com o intuito de oferecer todos os meses uma fotografia do comércio varejista do país. Os valores são calculados com base em modelos matemáticos e estatísticos aplicados à base da companha.

    O modelo, então, visa isolar os efeitos do comportamento competitivo do mercado de credenciamento e os da substituição de cheque e dinheiro no consumo. Com isso, o indicador consegue refletir a dinâmica de consumo no ponto de venda.

    Planilha da Vida Financeira

    Coloque suas finanças em ordem! Baixe gratuitamente nossa planilha e aprenda a planejar todas as etapas da sua vida financeira da melhor forma!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Dessa forma, o índice apresentou alta nominal de 9,1% no mês de fevereiro de 2020, mas, se descontada a inflação, o valor foi de 5,2%. Segundo o Diretor de Inteligência da Cielo, o resultado foi puxado pelos setores de Supermercado e Hipermercados, Móveis, Eletro e Lojas de Departamento e Drogarias e farmácias. Além disso, o diretor ainda frisou que o surto de Coronavírus não impactou de forma relevante o varejo no mês, dado que os primeiros casos surgiram no país no fim deste.

    Na análise dos setores, os blocos de Bens não Duráveis e Bens Duráveis e Semiduráveis, apresentou aceleração. Por outro lado, o Bloco de serviços apresentou as maiores desacelerações, alavancadas pelo setor de turismo e transporte.

    A observação dos dados referentes às regiões revela grande destaque para a região Norte, que pelo ICVA nominal (desconsiderado da inflação) foi de 15,7%. Em seguida vem a região Centro-Oeste, com crescimento de 11,3%, a região Sul com 10,0%, a região Nordeste com 9,8% e a região Sudeste com 7,9%.

    Vale notar que mesmo com a inflação acumulada para os últimos 12 meses (em relação a fevereiro de 2020) de 4,01%, todas as regiões apresentaram aceleração segundo o ICVA deflacionado com ajuste de calendário.

    Tags
    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *