Acesso Rápido

    Put: entenda o que é e como funciona uma opção de venda

    Put: entenda o que é e como funciona uma opção de venda

    As opções são instrumentos financeiros que servem para conferir aos seus donos um direito de um bem a um determinado preço, ao mesmo tempo em que lhe é imposto uma obrigação para quem lhe vendeu esse direito e, dentro desse universo, uma put pode ser considerada um tipo específico de opção, como trataremos mais em detalhes a seguir.

    Uma put, ou opção de venda, confere ao seu titular o direito de vender a um determinado preço, um ativo específico que foi discriminado no ato do contrato.

    Esse contrato possui um tempo pré-determinado para o seu vencimento.

    O titular é aquele investidor que comprou a put no mercado, adquirindo um direito de vender um ativo do qual está negociando.

    Atente-se que esse direito não sai de graça, e o titular desse contrato precisará pagar ao lançador da opção, um prêmio para poder ter esse direito.

    Planilha de Controle de Investimentos

    Faça o controle completo das suas ações, FIIs e todos os seus investimentos com a nossa planilha gratuita de Controle de Investimentos!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Como funciona uma put (opção de venda)?

    O lançador de uma opção de venda é o investidor que por intermédio de uma corretora, vendeu uma opção no mercado, com a intenção de receber prêmios, assumindo assim, a obrigação de comprar o ativo previsto no contrato após ser comunicado a opção foi exercida no mercado.

    O detalhe das opções é que o titular não é obrigado a exercer o seu direito de vender o ativo que está negociando durante o período de validade do contrato.

    No entanto, caso esse titular prefira exercer a sua posição, o lançador é obrigado a comprá-lo pelo preço de exercício.

    Por que negociar opções de venda?

    As compras de opções de venda podem ser muito úteis para aqueles investidores que querem diminuir seu risco e exposição a um determinado ativo.

    Esses riscos podem ser provenientes de diversos motivos como, por exemplo, a falta de diversificação da carteira.

    Vamos ver os motivos da existência desses contratos a seguir:

    1. Proteção contra desvalorizações

    As opções de venda fornecem um hedge, ou proteção, para aqueles que desejam manter o valor de um determinado ativo no mercado, se protegendo de eventuais quedas de mercado que podem impactar de alguma forma os seus negócios.

    Com a possibilidade de poder exercer a opção através de um preço que esteja acima do negociado pelo mercado, o titular agora se encontra protegido ou parcialmente protegido de possíveis revezes em seus negócios, seja ele em ações de empresas ou em commodities negociadas no mercado.

    2. Apostar na baixa de um ativo

    Quanto mais uma ação cair, mais vale vendê-la por um preço mais elevado.

    Por exemplo, digamos que um investidor tenha o direito de vender uma ação por R$ 150,00, dessa forma ganhará mais se puder comprar essa mesma ação por R$ 85,00 ou por R$ 70,00?

    Então se o investidor acreditar que o preço de uma ação vai cair, a melhor estratégia é a lançar mão de uma put para apostar nessa movimentação de mercado negativa.

    Vale a pena operar uma opção de venda?

    Uma put pode ser um inteligente instrumento financeiro para aqueles investidores que sabem lidar com essa ferramenta. É importante entender que investidores iniciantes devem estudar bastante a dinâmica desses contratos antes de decidir entrar no mercado de opções, do qual costuma ser bastante dinâmico e volátil.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    14 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Luis César 20 de março de 2020

      Sou novato no mercado de opções, e gostaria de entender melhor como fazer a conta para avaliar o real potencial de proteção de uma PUT

      Responder
      • Suno Research 20 de março de 2020

        Boa tarde, Luis!
        Não há uma conta específica. São inúmeras as variáveis que devem ser analisadas e devidamente compreendidas ao entrar no mercado de opções.

        Responder
    • ERTILE 12 de abril de 2020

      Bom dia. Posso aplicar o PUT em uma ação já comprada?

      Responder
    • marcio 9 de maio de 2020

      ola bom dia !

      fiquei com uma duvida sobre lançar uma put, por exemplo si eu lançar uma put preço de exercio $10,00 a strike de 1,00, e no dia do vencimento a açao estiver valendo $13,00 eu terei que entregar a açao a $10,00 mesmo o valor da opçao ter desvalorizado

      Responder
    • Enio Caldas 12 de junho de 2020

      Colocação errônea da seguinte colocação acima…

      “No entanto, caso esse titular prefira não exercer a sua posição, o lançador é obrigado a comprá-lo pelo preço de exercício.”

      Responder
    • Leandro Santos Machado 10 de julho de 2020

      Ótima explicação. Ficou uma dúvida: se eu comprar uma Put X, e depois vender essa Put X, estarei me exaurindo de qualquer obrigação? A dúvida é mesmo que eu tenho essa Put X, se eu vende-la seria por si só uma reversão de posição,? Ou preciso comunicar a corretora que estou desfazendo da opção???

      Responder
      • Suno Research 10 de julho de 2020

        Boa tarde
        Sim, é necessário comunicar a corretora.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • André 24 de agosto de 2020

      “No entanto, caso esse titular prefira não exercer a sua posição, o lançador é obrigado a comprá-lo pelo preço de exercício.”

      A segunda frase não estaria errada? O lançador não tem obrigação de comprar nada se não for exercido

      Responder
      • Suno Research 24 de agosto de 2020

        Olá, André! Tudo certo?
        Muito obrigado por nos avisar. Acabamos de corrigir.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • Acassio 14 de setembro de 2020

      Me tira uma dúvida, VENDI uma put no valor do STRIKE de R$9,00; Recebi o prêmio de 0,25 por cada ação, logo recebi R$25,00 prêmio total. Ela hoje está 9,20 caso não bata o strike não vou exercer. Caso eu reverta a minha put antes do vencimento eu perco o prêmio? Estou no zero a zero.

      Responder
    • Silas 24 de setembro de 2020

      Eu comprei uma put com valor de 22,00 e a ação está 20,00 no vencimento, isso quer dizer que eu posso comprar a ação por 20,00 e exigir do lançador para compra-la de mim por 22,00?

      Responder
      • Suno Research 25 de setembro de 2020

        Olá, Silas! Tudo bem?
        No vencimento, o comprador da put tem o direito de vender o ativo pelo preço pré-acordado (strike). Por outro lado, o lançador tem a obrigação de comprá-la, caso o comprador queira exercê-la. Nessa situação, o lançador tem que comprá-la por R$ 22,00.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder
    • rosemery sutil de oliveira 18 de outubro de 2020

      eu vendi puts da cogna, e agora, como funciona no termino do exercicio?

      Responder
      • Suno Research 19 de outubro de 2020

        Olá, Rosemery! Tudo certo?
        Você poderia ter entrado em contato com a sua corretora dizendo se queria ou não exercer a sua PUT. Geralmente, esse contato é feito pelo chat de atendimento, mas também pode ser realizado via telefone.
        Atenciosamente, Equipe Suno.

        Responder