Acesso Rápido

    Perfil agressivo: saiba o que é e quais investimentos se adequam

    Perfil agressivo: saiba o que é e quais investimentos se adequam

    Entre os tipos de investidores existentes, encontramos o conservador, o moderado e o perfil agressivo. Cada um com características próprias e diferentes graus de tolerância ao risco.

    Entre eles, há um para o qual o rendimento somente da renda fixa não é suficiente, ainda que esta seja a modalidade mais escolhida por quem está ingressando no mundo dos investimentos: o perfil agressivo.

    O que é um investidor de perfil agressivo?

    Perfil agressivo de investidor é o nome dado àqueles que buscam aumentar seu patrimônio, ainda que isto signifique correr mais riscos e enfrentar perdas de curto prazo ocasionais.

    Inclusive porque o risco e o rendimento de aplicações financeiras tendem a ser proporcionais. Quanto maior o risco, maior o potencial de retorno.

    E-book: Comece a Investir na Bolsa

    Comece a investir! Saiba tudo que você precisa saber para dar os seus primeiros passos na Bolsa com o nosso Manual Gratuito do Investidor Iniciante!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Logo, o perfil investidor agressivo costuma estar preparado para eventuais quedas de valores das suas ações e inclusive aproveitar alguns momentos de queda para comprar mais.

    É comum que este investidor seja mais experiente, conhecendo melhor o funcionamento do mercado financeiro.

    Investimentos e ações para perfil agressivo

    O investidor de perfil agressivo invariavelmente opta por investimentos em renda variável, já que é nela que se encontra a melhor rentabilidade.

    Mas é preciso ter em mente que este rendimento, diferente do que ocorre na renda fixa, não é garantido. Daí o risco de perda.

    Tendo isto em mente, os investimentos mais recomendados para quem tem perfil agressivo são as ações, que representam uma parcela do capital social das empresas na qual se investe.

    Mas nem sempre o retorno é rápido. Quem investiu em empresas como Itaú (ITUB4), Unipar(UNIP6) ou mesmo a WEGE (WEGE3) pode enfrentar muita instabilidade por um período porém essas empresas foram bons investimentos para aos que compraram com pensamento de longo prazo e mentalidade de sócio.

    Afinal, estas empresas estão entre as maiores valorizações do Ibovespa. Porém, levou tempo para que este retorno fosse realmente comprovado, especialmente para quem comprou as ações em baixa durante um período de crise.

    Os fundos imobiliários também se enquadram na renda variável, o que significa que eles também oferecem boa rentabilidade e são indicados para este perfil de investidor. Assim, não devem ser desprezados.

    Eles, inclusive, podem ser mesclados em uma carteira diversificada, contendo Fundos Imobiliáiros e Ações.

    Vale ressaltar que historicamente, os Fundos Imobiliários apresentaram menos volatilidade que o mercado de ações, podendo ser uma adição interessante para uma carteira de investimentos. Pois além de oferecer um grande potencial de retorno no longo prazo, pode diminuir o risco total da carteira de investimentos.

    Por isso, quem deseja saber como ter um perfil agressivo precisa entender sobre grande parte das classes de ativos contidas em renda variável como Ações, Fundos Imobiliários e ETFs.

    Além de entender sobre os ativos, utilizar a  análise fundamentalista que foi  metodologia mais bem-sucedida da história, pode trazer resultados excelentes para o investidor no longo prazo.

    A Suno Research pode ajudar neste processo, por meio do minicurso “Investindo em dividendos”. Com mais conhecimento é mais fácil fazer escolhas acertadas.

    Se você tem alguma dúvida ou curiosidade sobre o perfil agressivo de investidor deixe nos comentários!

    Gabriela Mosmann
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *