outsourcing
Por: Tiago Reis

Outsourcing: entenda como funciona a terceirização de atividades em uma empresa

No mundo empresarial, é mais que fundamental estar sempre buscando formas de cortar custos e elevar a lucratividade de um negócio. Nesse contexto, uma das alternativas mais utilizadas no mercado é o chamado outsourcing.

O outsourcing vem sendo utilizado com frequência como uma medida que melhora a eficiência em diversas áreas de uma empresa. sendo muito útil principalmente em atividades secundárias e fora do core business da empresa.

O que é outsourcing?

Outsourcing é a utilização, por parte de uma empresa, de mão-de-obra e profissionais advindos de fontes externas. Essa operação funciona como a um tipo de terceirização, visando a realização e otimização de atividades da empresa que não precisam, necessariamente, ser desempenhadas internamente.

Assim, serviços são contratados para servir a certa organização em atividades das várias etapas do processo de produção, mas não da atividade-fim. O que significa que as tarefas da terceirização não originam por si mesmas os produtos finais.

A própria tradução do termo já indica o teor desse tipo de medida — já que“out”, em português, significa “fora”, e “sourcing”, fonte.

Exemplos de outsourcing

Desta forma, como exemplos de outsourcing, temos:

  1. Uma confeitaria que terceiriza o transporte de matérias-primas para a produção de alimentos. Mas não vai realizar a terceirização da produção desses alimentos;
  2. Uma empresa de qualquer ramo que terceiriza a limpeza do estabelecimento;
  3. Uma agência de mídia que terceiriza a produção de peças de comunicação e conteúdos.

Como funciona o outsourcing?

A questão de como funciona o outsourcing remete à ideia de prestação de serviços ou subcontratação, onde profissionais e até mesmo empresas são contratadas para realizar uma atividade específica para a contratante.

Normalmente, as áreas que frequentemente requisitam a terceirização, são:

  • Engenharia;
  • Contabilidade;
  • RH;
  • Design;
  • Escrita;
  • Segurança;
  • Marketing;
  • Limpeza;
  • TI;
  • Logística.

Vantagens do outsourcing

outsourcing

Devido a praticidade desse tipo de contratação, as vantagens do outsourcing são muitas. Algumas delas são:

  • Possibilidade de diminuir despesas. Pois os trabalhadores terceirizados recebem, em geral, um valor menor que os empregados da organização. Além disso, o custo de produção pode ser reduzido;
  • Aproveitamento da alta especialização e know-how que a empresa terceirizada dispõe, agregando qualidade ao negócio e a seus produtos ou serviços;
  • Permitir que certas atividades sejam agilizadas, o que auxilia na gestão organizacional devido ao fato de ela estar focada nos serviços essenciais;
  • Aumento geral da produtividade em toda a empresa;
  • A empresa não é a única responsável por seus serviços, visto que terceiros são envolvidos. Servidores terceirizados podem ser penalizados por seus erros.

Por todas essas vantagens, a empresa que utiliza do outsourcing ganha muito em eficiência e produtividade. Para saber melhor sobre esses e demais pontos,

Por outro lado, o modo como funciona o outsourcing pode apresentar desvantagens, como não atingir desempenhos previstos ou não conseguir custos reduzidos. Além disso, os gestores podem se perder ao controlar certas atividades terceirizadas, instabilizando as operações da empresa.

Porém, ainda assim as vantagens do outsourcing podem contribuir muito para uma empresa, caso as empresas ou pessoas terceirizadas sejam selecionadas com eficiência.

Como funciona um contrato de outsourcing?

O contrato de outsourcing é necessário para delimitar as responsabilidades de cada parte dar segurança à parceria. Dessa forma, são evitados futuros problemas e mal-entendidos.

Para que isso aconteça, é necessário que o contrato:

  • Não deixe questões incertas.
  • Exemplifique danos e responsabilidades de cada parte.
  • Especifique como o contrato pode ser violado.
  • Especifique como deve ser o desempenho da prestadora do serviço;

O outsourcing é um tipo contratação que que tem sido cada vez mais utilizada. Logo, é apenas através de um bom contrato firmado entre as partes que o contratante e a contratada terão maior tranquilidade durante a prestação do serviço.

 

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

207 artigos
Ações

FIIs

58 artigos
FIIs
Group 285

NÃO VÁ EMBORA AINDA..

O portal que vai te ajudar a começar
a investir.

Todos os conteúdos gratuitos 
da Suno em um só lugar!