Acesso Rápido

    Mercosul: conheça melhor como funciona o bloco comercial sul-americano

    Mercosul: conheça melhor como funciona o bloco comercial sul-americano

    O Mercosul é o principal bloco econômico sul-americano. Entre seus membros atuais, estão o Brasil, a Argentina, o Paraguai e o Uruguai. Além disso, a Venezuela consta como membro suspenso e a Bolívia é um país candidato a ingressar no bloco.

    Se suma importância para a economia dos seus países membros, o Mercosul pode ser considerado uma abrangente iniciativa de integração regional da America Latina.

    O que é o Mercosul?

    O Mercado Comum do Sul, popularmente conhecido como Mercosul é uma bloco de integração econômica, aduaneira e de livre-comércio entre cinco países da América do Sul. O bloco foi fundado em 1991 pelo o Tratado de Assunção e ratificado pelo Protocolo de Ouro Preto em 1994.

    Seu contexto de formação, no final da década de 80, visou a reaproximação dos países da região sul do continente americano, principalmente no contexto econômico.

    A bandeira do Mercosul

    A bandeira oficial do bloco é branca e traz a constelação do Cruzeiro do Sul em azul. Logo abaixo vem o nome do bloco escrito em azul.

    Essa representação foi escolhida porque tais estrelas são visíveis apenas no hemisfério sul. Por isso, o símbolo é considerado um verdadeiro referencial para todos os países dessa latitude.

    Quem faz parte do Mercosul?

    Os membros fundadores do Mercosul foram:

    • Brasil;
    • Argentina;
    • Paraguai;
    • Uruguai.

    A Venezuela, por sua vez aderiu ao bloco em 2012, mas está suspensa desde dezembro de 2016. Isso se deve ao descumprimento de seu Protocolo de Adesão — agravado desde agosto de 2017 pela violação da Cláusula Democrática do Bloco.

    Qual é o objetivo do Mercosul?

    O tratado de formação do bloco relata que o objetivo do Mercosul é promover o livre comercio entre os países-membros, além de um movimento fluido de bens, pessoas e moedas.

    No entanto, atualmente o Mercosul limita-se a ser uma união aduaneira. Portanto, o bloco estabelece a circulação de mercadorias intra-zona e uma política comercial comum para seus membros.

    Características do Mercosul

    Mercosul
    Mercosul em mais detalhes

    Se tomarmos em conjunto, esse bloco comercial seria a quinta maior economia do mundo. A soma do PIB de todos os países membros é estimada em US$ 2,79 trilhões.

    O Mercosul é o principal receptor de investimentos estrangeiros diretos na região sul do continente. O bloco recebeu cerca de 47,4% de todo o fluxo de investimentos externos direcionados para America do Sul, America Central e Caribe em 2016.

    O bloco representa um espaço bastante propício para a recepção de investimentos, seja por meio de compra, controle acionário e associação de empresas dos Estados Partes.

    Desde a sua criação, o comércio entre os países membros aumentou cerca de 20 vezes.

    Dados oficiais divulgados em 2016 revelam que esse bloco comercial é o maior exportador líquido mundial de açúcar; o maior exportador mundial de soja e o maior produtor e segundo maior exportador mundial de carne bovina.

    O Mercosul na atualidade

    O Mercosul vem passando por um processo acelerado de fortalecimento econômico, comercial e institucional.

    Os Estados participantes do bloco vêm consolidando um modelo de integração mais pragmático, voltado para resultados mais concretos em um curto espaço de tempo.

    Uma das medidas aprovadas é o Protocolo de Cooperação e Facilitação de Investimento. Dessa forma, a medida amplia a segurança jurídica e o ambiente de atração para a entrada de novos investidores na região.

    No entanto ainda há muitos temas a serem tratados de modo a melhorar esse tratado. Alguns deles são: livre circulação de bens, serviços e pessoas, além de convergência das legislações nacionais entre os Estados constituintes.

    Já na área institucional, é vital tornar esse bloco comercial mais ágil e moderno, além de necessitar de avanços na racionalização da estrutura do Bloco, tornando-o mais enxuto e transparente.

    Para saber mais sobre a perspectivas sobre o futuro do Mercosul e como isso pode interessar aos investidores, assine a nossa Lista de Whatsapp e fique por dentro de todas as medidas adotadas pelo Brasil e pelos demais países da região em relação a economia e ao comércio exterior.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    1 comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Edison Barros 8 de janeiro de 2020

      Srs(a), Boa Tarde ; Gostaria de informação com relação a Isenção ou suspenção do AFRMM, para importação de Petróleo do Peru, pais associado ao Mercosul.
      Existe o benefício ?

      Responder