Acesso Rápido

    Mercado competitivo: Veja como ele afeta seus investimentos

    Mercado competitivo: Veja como ele afeta seus investimentos

    Você já ouviu falar na forma de mercado denominada de mercado competitivo?

    O mercado competitivo é uma forma relativamente comum de mercado, e que possui consequências diretas sobre as empresas que nele atuam.

    Obviamente, como ele afeta as empresas, afeta também os investidores destas empresas.

    Além de afetar também os próprios consumidores.

    Este tipo de mercado ocorre quando muitas empresas produzem determinado bem, de tal forma que estas empresas não possuem influência sobre o preço dos produtos, tornando-as meras “tomadoras de preço”.

    As características dos mercados competitivos são as seguintes:

    • Existem muitos vendedores e compradores no mercado
    • Todos detém apenas uma pequena parcela do mercado
    • Os bens ofertados possuem baixo grau de diferenciação
    • Não há barreiras de entrada no mercado

    Pode-se dizer, portanto, que o mercado competitivo se caracteriza pela falta de vantagens competitivas por parte das empresas.

    O mercado competitivo para o produtor

    mercados competitivos produtorVamos a um exemplo de mercado competitivo para ficar bem claro do que se trata.

    Imagine que você está em uma grande feira onde são vendidos diversos produtos, entre eles, ovos de galinha.

    Existem centenas de vendedores de ovos, que se posicionam lado a lado, e você é um deles.

    Além disso, todos os vendedores vendem ovos idênticos, portanto, sem diferenciação entre os produtos.

    Imagine que todos vendedores, além de você, estão vendendo os ovos por R$2,50 a dúzia.

    A que preço você venderia os seus ovos?

    A resposta correta é a R$2,50. Pois, se você for ofertar o seu produto por um preço superior a este, digamos a R$3,00, nenhum consumidor irá comprar o seu produto, pois ele tem a disposição o mesmo produto por um menor preço logo ao seu lado.

    Portanto, você se tornará um tomador de preço, aceitando o preço vigente de mercado. Caso contrário, o produtor acabará com um grande estoque que não irá encontrar compradores.

    Mercad0 competitivo para o consumidor

    mercados competitivos consumidorAgora que já enxergamos o mercado competitivo pela ótica do produtor, vamos observa-lo pela ótica do consumidor.

    Para o consumidor, é visível o fato de que ele se beneficia de um mercado amplamente competitivo.

    A disputa pela concorrência faz com que o preço do produto se reduza. Pois, quanto maior a oferta, menor o preço.

    Portanto, o consumidor se beneficia de uma ambiente competitivo.

    Justamente por isto, há instituições no Brasil que visam proteger esta forma de mercado.

    O Cade tem como missão zelar pela livre concorrência no mercado, sendo a entidade responsável, no âmbito do Poder Executivo, por investigar e decidir, em última instância, sobre a matéria concorrencial.

    Além disso, é também seu papel fomentar e disseminar a cultura da livre concorrência.

    O Efeito do mercado competitivo sobre os investimentos

    risco mercado competitivoÉ importantíssimo, para o investidor, se atentar ao cenário competitivo das empresas nas quais ele investe ou deseja investir.

    Via de regra, quanto maior a competição, menores as margens de lucros e os indicadores de rentabilidade.

    Isto tende a ser bastante negativo para o investidor, pois as empresas que criam valor ao seus acionistas ao longo do tempo, quase sempre, apresentam excelentes indicadores de margens e rentabilidade.

    Warren Buffett, o maior investidor de todos os tempos, alerta os investidores para se afastarem de empresas que possuam um cenário de competição exacerbado.

    Ele recomenda aos investidores que, ao invés de investirem neste tipo de empresa, façam o oposto, busquem investir em empresas com características de monopólio. O monopólio é o oposto de um mercado competitivo.

    Um exemplo de setor altamente competitivo e com baixa diferenciação é o varejo.

    As empresas de varejo possuem margens baixas, pois a maioria delas lança mão de estratégias promocionais e de até preços permanentemente baixos para poder ganhar fatia de mercado dos seus competidores.

    Esta guerra de preços, no longo prazo, tende a corroer a margem de lucro de todas as empresas do setor.

    Para ilustrar este ponto, na imagem abaixo, está o retorno das ações do Pão de Açúcar, uma empresa que atua em um setor muito competitivo, de 01/02/2012 até 2018.

    Retorno das ações do pão de açucar
    Retorno das ações do Pão de Açucar – Fundamentus

    Como pode ser observado, o acionista não teve um retorno positivo.

    Agora vamos comparar, durante o mesmo período, o retorno do acionista da B3.

    A B3 é uma empresa que atua em um setor com condições oposta às de um mercado competitivo.

    Retorno das ações da B3Este investidor teve um retorno extremamente satisfatório, com o valor inicial multiplicando quase que por 3x.

    Fica claro, portanto, como a competição não é um bom sinal para o acionista.

    Mercado competitivo – China

    mercado competitivo chinês

    Na imagem acima está o retorno do mercado acionário Chinês nos últimos 10 anos.

    Como é possível constatar, o investidor que investiu no mercado Chinês não teve praticamente nenhum retorno durante este longo período.

    Mas por que isto ocorreu?

    Competição: a competição na China é feroz em todos os segmentos.

    Em alguns setores as empresas operam com margens de 1%.

    É muito pouco e praticamente inviabiliza a existência de negócios rentáveis, como os oligopólios existentes no Brasil.

    Essa baixa rentabilidade faz com que existam poucas empresas que gerem valor aos seus acionistas.

    A competição impõe menores preços e menor margem como consequência. Estes fatores são sentidos tanto nas empresas brasileiras, quanto chinesas, quanto em qualquer outra parte do mundo.

    Conclusão sobre o mercado competitivo

    resultados mercados competitivosÉ crucial para o investidor entender perfeitamente a dinâmica deste tipo de mercado.

    O cenário sobre o qual uma empresa atua é determinante para o resultado final da companhia.

    Como foi observado, é difícil para empresas criarem valor aos seus acionistas em cenários altamente competitivos.

    Enquanto que empresas que conseguem fugir desta competição tendem a criar bastante valor aos seus acionistas.

    Estas empresas que fogem do cenário competitivo, geralmente, apresentam fortes vantagens competitivas, o que lhes permitem cobrar mais caro pelos seu produtos. Elevando, desta forma, suas margens de lucro e índices de rentabilidade.

    Este é, inclusive, um argumento que Warren Buffett reforça bastante aos investidores.

    Uma vez compreendido a dinâmica dos mercados competitivos, basta ao investidor interpreta-lá e buscar investir em empresas que não estejam nesta condição.

    É, portanto, muito importante que o investidor se atente para o mercado competitivo. Assine a Suno e veja nossas recomendações de empresas altamente rentáveis e que contam com grandes vantagens competitivas.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    1 comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Caroline da Silva André 28 de março de 2020

      Qual é o nível de produção nesses mercados?

      Responder