Acesso Rápido

    Green bonds: saiba o que são esses títulos e como investir neles

    Green bonds: saiba o que são esses títulos e como investir neles

    A preocupação com o meio ambiente é um dos temas que vem ganhando cada vez mais destaque nos fóruns realizados pelo mundo. Por isso, muitas empresas passaram a desenvolver projetos sustentáveis por meio da captação de recursos obtidos com os Green Bonds.

    Os Green Bonds, como títulos emitidos pelas empresas no mercado de capitais, possuem a função de angariar recursos que serão destinados a projetos de desenvolvimento sustentável.

    O que são Green Bonds?

    Green Bonds são títulos de dívidas emitidos com a finalidade de captar recursos para investimentos em projetos sustentáveis que objetivam minimizar os efeitos causados pelas mudanças climáticas.

    O dinheiro proveniente da venda desses títulos que também são conhecidos como Títulos Verdes só pode ser utilizado pela empresa que fez a sua emissão e com a finalidade de financiar investimentos sustentáveis.

    E-book: Investindo no Exterior

    Descubra como investir nas melhores empresas e ativos do mundo com o nosso ebook gratuito de Investimentos no Exterior!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Essa iniciativa começou no ano de 2014, juntamente com o Compacto de Prefeitos. Esse foi um evento que reuniu aproximadamente 400 municípios com a finalidade de desenvolver ações para auxiliar o controle do aumento global da temperatura.

    Investimentos em Green Bonds

    Uma das dúvidas mais recorrentes dos investidores é sobre como investir em Green Bonds. Nesse caso é necessário que a empresa que pretende emitir os Green Bonds emita o projeto de captação de recursos à Febraban (Federação Brasileira de Bancos) e também ao CEBDS (Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável).

    Essas duas entidades serão responsáveis por avaliar o propósito e então fazer o direcionamento da verba. Uma vez aprovado o projeto, os títulos são lançados no mercado, sendo que nesse momento os investidores podem fazer a aquisição dos mesmos.

    As compras dos títulos são feitas da mesma maneira que dos títulos tradicionais, ou seja, negociados por bancos, corretoras ou instituições financeiras.

    Por se tratar de um mercado ainda novo, a única empresa brasileira que emite esse tipo de título é a BRF (BRFS3) que controla as marcas Sadia e Perdigão.

    Vantagens dos títulos verdes

    Uma das vantagens da emissão dos Green Bonds está relacionada aos seus objetivos. Dessa forma, como os títulos só podem ser emitidos com objetivos de sustentabilidade empresarial, o processo é realizado por uma consultoria empresarial.

    Ela irá avaliar se realmente o recurso está sendo investido em projetos de infra estrutura e desenvolvimento sustentável. Essa é também uma tendência econômica, já que os pactos de emissão de carbono têm sido cada vez mais cobrados.

    Aliás, não só a emissão de carbono mas também investimentos em energia limpa e sustentabilidade estão sendo cada vez mais cobrados nas conferências realizadas em todo o mundo. A tendência, portanto, é que empresas certificadas ambientalmente terão um destaque maior entre os investidores e por isso terão o seu valor de mercado aumentado.

    Em que projetos é usado o dinheiro captado?

    O dinheiro captado por meio da emissão dos Títulos Verdes são destinados à projetos relacionados ao desenvolvimento sustentável.

    Um dos setores que mais está tendo investimentos é o de energia renovável. Nesse caso o dinheiro é investido para financiar projetos de infraestrutura para geração, transmissão armazenamento e uso de energia, que pode ser solar, eólica, hidráulica, geotérmica, maremotriz, entre outras.

    O dinheiro também pode ser destinado para a estruturação e projetos de edificações sustentáveis, sistemas de aquecimento, redes inteligentes e sistemas inteligentes de armazenamento.

    A prevenção e controle da poluição também é um outro campo onde o dinheiro pode ser aplicado. Atualmente existe, por exemplo, o Índice Carbono Eficiente (ICO2) na B3, que lista emrepsas que se destacam nessa atividade. Além disso, podem ser direcionados recursos para o tratamento de efluentes, descontaminação de solos, reciclagem, dentre outros.

    Green Bonds no Brasil

    Os Green Bonds vem ganhando força no mundo e consequentemente também deverão emplacar no Brasil, principalmente na gestão de recursos naturais como agropecuária de baixo carbono, silvicultura e manejo florestal.

    Por conta da nossa biodiversidade, projetos de proteção de habitats terrestres, costeiros, marinhos, fluviais e lacustres também deverão receber recursos para o uso sustentável da biodiversidade com implementação de corredores ecológicos.

    Fora isso, os títulos para sustentabilidade também podem angariar recursos para a produção e uso de veículos elétricos e híbridos, não motorizados, ferroviário e metroviário. O objetivo é de reduzir a emissão de carbono na atmosfera.

    Portanto, ao investir em Títulos Verdes, o investidor está colaborando para criar um planeta muito melhor para as gerações futuras.

    Foi possível entender o que é Green Bonds? Deixe suas dúvidas nos comentários.

     

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *