fundos imobiliários em 2019

Você quer aplicar em fundos imobiliários em 2019?

Os fundos imobiliários em 2019 tendem a ser uma ótima opção de investimento neste ano.

Para aplicar em fundos imobiliários em 2019, no entanto, é necessário saber escolher os melhores fundos para compor a sua carteira. Sendo assim, serão apresentados aqui alguns critérios para você prestar atenção ao selecionar os melhores fundos imobiliários em 2019.

Alguns especialistas apontam que o ano de 2019 pode marcar a retomada do mercado imobiliário brasileiro.

Nos últimos anos, como reflexo da crise pela qual a economia brasileira atravessou, os proprietários de imóveis passaram por algumas dificuldades.

Com uma possível retomada do crescimento econômico em 2019, é esperado também que os aluguéis dos contratos de imóveis tenham um aumento de preço. Favorecendo, assim, os donos de imóveis. Ou seja, favorecendo também o mercado de fundos imobiliários.

É muito importante, entretanto, saber selecionar muito bem os melhores fundos imobiliários em 2019 para compor a sua carteira.

Fundos imobiliários em 2019: como escolher os melhores

fundos imobiliários em 2019, como escolher?

Para escolher os fundos imobiliários mais rentáveis em 2019 você deve se atentar aos seguintes pontos:

  • Localização
  • Qualidade do imóvel
  • Perfil dos inquilinos
  • Gestão do FII (Fundo de Investimento Imobiliário)
  • Preço negociado no mercado secundário

Localização

Muitos afirmam que este é o ponto mais importante ao se aplicar em imóveis.

Afinal, obviamente um imóvel bem localizado vale mais do que um imóvel que não se situe em uma boa área.

Por isso, é extremamente prestar atenção à localização dos imóveis dos FIIs.

Além disso, você deve considerar quais as perspectivas para aquela localização nos próximos anos.

Qualidade do imóvel

A qualidade do imóvel é outro ponto crucial.

Imóveis mais modernos e com uma qualidade acima da média tem preços de aluguéis maiores.

Isto, por sua vez, se traduz em uma maior receita para o fundo imobiliário.

Por isso, é importante que você avalie se o imóvel é valorizado pelo mercado.

Perfil dos inquilinos

O perfil dos inquilinos é um ponto essencial de ser avaliado ao se aplicar em FIIs.

Pense você mesmo: imagine que existem duas empresas, uma delas tem uma imensa geração de caixa e altos lucros todo ano. A outra está em recuperação judicial e tem dificuldade de pagar as suas contas no final do mês.

Para qual das duas você prefere locar o seu imóvel? Obviamente para a primeira!

Pois a capacidade e a probabilidade de a primeira empresa honrar com os pagamentos e fazê-los em dia é muito maior.

Por isso, avalie sempre qual o perfil dos inquilinos que um FII possui.

Gestão do FII

A gestão, principalmente para os ativos com gestão ativa, é um fator que determina diretamente o sucesso do fundo no longo prazo.

Busque aplicar sempre em fundos no qual o gestor se mostra determinado a criar valor para o cotista. Além disso, de preferência aos fundos que são transparentes com os seus cotistas, e que apresentam relatórios completos e informativos.

Preço

Por fim, você deve avaliar o preço o qual o FII é negociado no mercado secundário.

É importante, para você escolher os fundos imobiliários mais rentáveis em 2019, que não pague muito caro pelos seus ativos.

Pois, quanto menor for o preço que você pagar, maior será o potencial de valorização do ativo.

Para avaliar o preço de um FII é importante utilizar alguns indicadores, tais como:

  1. Dividend yield
  2. Preço / Valor patrimonial
  3. Preço / Metro quadrado

Além desses fatores, é importante considerar todo o contexto do fundo imobiliário.

Como os fundos imobiliários em 2019 tendem a ser um bom investimento, no vídeo abaixo é recomendado um FII para compor a sua carteira neste ano.

Compartilhe a sua opinião
Tiago Reis

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.