Acesso Rápido

    Fiikipedia: Secundário versus Emissão

    Fiikipedia: Secundário versus Emissão

    Nesta semana, faremos nossa tradicional Live sobre Fundos Imobiliários ao estilo “Pergunta x Resposta”. A ideia é tirar dúvidas de todos que nos acompanham e, claro, comentarmos um pouco mais sobre as recentes quedas dos Fundos Imobiliários (IFIX).

    Link Direto para a Live.

    No início do mês, fiz um Fiikipedia onde tratei sobre a Estratégia de “Flipagem”, ou seja, investidores que estavam comprando cotas de Fundos Imobiliários na Emissão para vendê-las, logo na sequência, no Mercado Secundário.

    É curioso como o “mundo dá voltas”.

    O artigo desta semana, um mês depois, é justamente o INVERSO.

    Isso mesmo, em letras maiúsculas: o INVERSO.

    Agora chega a hora do Exército da Salvação entrar em cena: todos que realmente defendem e incentivam a indústria de FIIs no Brasil, é hora de trazer ainda mais conhecimento imparcial e com qualidade.

    Há um tempo, temos falado que cautela é o nome do jogo. É fácil trazer apenas boas notícias. E, na hora do aperto, todos somem?? E, pior: ensinam errado! Triste realidade.

    Por outro lado, entendo que agora seja um momento peculiar, pois temos mais de 50 mil novos investidores, que chegaram ao mercado de FIIs nos últimos meses, e nunca passaram por movimentos de queda, até porque o IFIX já devolveu todos os ganhos do ano.

    Muitos investidores não entendem, ou simplesmente não aceitam, que o mercado não vai parar de subir nunca e, pior, “ele” (ou ela) saberá exatamente o instante em que o vento irá mudar de rumo e venderá antes.

    Ledo engano!

    A premissa de “altas infinitas” gera movimentos subversivos, e traz, em boa parte das vezes, grandes prejuízos.

    ATENÇÃO!

    Acontece que o momento agora é ímpar: muitas Emissões estão na praça a preços superiores aos negociados na Bolsa/B3, portanto, exercer os Direitos de Preferência ou aderir à Oferta “cegamente” poderá trazer prejuízos.

    Cabe reforçar que nós nunca tivemos um momento com tantas ofertas ao mesmo tempo sendo colocadas a mercado.

    São “bilhões” na mesa.

    Por sorte ou simples ironia do destino, alguns grandes Fundos conseguiram finalizar suas ofertas aos 48 minutos do segundo tempo, isto é, antes da forte correção do IFIX das últimas semanas.

    Fiz um rápido mapeamento de alguns FIIs que estão em oferta Follow-On negociados abaixo (ou próximo) da emissão: BCFF11 – HFOF11 – JRDM11 – JSRE11 – MALL11 – MFII11 – SDIL11 – TRXL11 – XPML11 (*).

    (*) Vale reforçar que oscilações diárias podem fazer com que alguns Fundos citados acima passem a negociar acima da emissão por alguns dias.

    Por curiosidade: CPTS11B (ainda em aprovação), HGCR11 e KNIP11 são exceções e, por coincidência, são Fundos de CRIs.

    Em tempo, HGBS11 já teve sua emissão reprovada em assembleia.

    Já MXRF11 tentará aprovar a emissão em junho, mas o preço no secundário caiu bastante nos últimos dias. Será difícil aprovar a não ser que penalizem ainda mais os cotistas atuais. A conferir.

    A nossa Conclusão é simples: Por favor, desliguem o piloto automático! É fundamental pegar a Lupa e olhar caso a caso, isto é, FII a FII.

    ESPERO POR VOCÊ!

    Participe de nossas Lives, no Canal do Youtube da Suno Research, sobre Fundos Imobiliários às quintas-feiras às 21h e aproveite para tirar ainda mais dúvidas sobre tudo que foi abordado neste artigo.

    Além disto, temos Relatórios e Radares bem completos que são publicados semanalmente, trazendo destaques dos principais Fundos Imobiliários negociados no mercado brasileiro.

    Marcos Baroni
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *