Por: Marcos Baroni

Fiikipedia: PAPEL ou TIJOLO? – Parte 1

Nesta semana, faremos uma LIVE muito especial – vamos receber STEFANNO DIAS. Ele é “gente como a gente” e vai compartilhar sua experiência de como estruturou sua carteira de Fundos Imobiliários.

Acreditem: Ele vai dar uma aula!!

STEFANNO é formado em Administração de Empresas pela PUC-RIO e toma conta de sua própria carteira imobiliária no Rio de Janeiro e o detalhe mais importante: ele é o pai da Celina.

Sua presença é muito importante! Compartilhe com seus amigos(as).

LIVE – SUNO RESPONDE (07/fev/2019 às 21h)

Esta é uma pergunta recorrente. Fato!

Talvez, hoje, com a quantidade de materiais já produzidos pela Suno Research (e-books, minicursos, artigos e cursos), além das próprias Lives onde é abordado de forma recorrente, o tema já esteja amadurecido por boa parte daqueles que nos acompanham.

No entanto, achei razoável considerar um artigo sintético que pudesse nortear aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de refletirem um pouco mais sobre o tema e tomarem suas decisões com a devida segurança.

Para um investidor de longo prazo, o que realmente importa é vencer (bater) a inflação ano a ano. É fato!

Neste sentido, vamos agora dar dois passos para trás e reforçar algumas premissas básicas quando se decide investir em Fundos Imobiliários. Premissas são premissas, portanto, devem ser entendidas “antes” do primeiro passo, até para que as expectativas não sejam frustradas. Vejamos:

  • Ativos geradores de renda (tijolos) não garantem a reposição da inflação. É uma tendência, mas não uma regra absoluta.
  • Ativos de Recebíveis Imobiliários (CRIs) são essencialmente ativos de renda fixa, portanto, operações de crédito.
  • Fundos de Fundos podem ser enquadrados como Fundos de Papéis.
  • Fundos de Desenvolvimento são mais difíceis de serem categorizados, porém, se tangenciam com características dos Fundos de Tijolos.

Partindo destas quatro condições e, assumindo que estamos de acordo com elas, podemos começar a desenvolver alguns racionais.

O que está no inconsciente coletivo das pessoas é que podemos consumir toda a renda gerada pelos imóveis, porque eles nos protegem da inflação no longo prazo, portanto, a conhecida tese de que a renda recebida é sempre líquida.

Há pouco tempo, fiz uma histórica entrevista com o Prof. João da Rocha Lima Jr, um dos maiores especialistas no mercado imobiliário do Brasil, e ele sintetizou bem quem pensa assim:

“É infantil”.

Veja a entrevista: https://www.youtube.com/watch?v=_hXrYIjG1DY

E contra fatos não há argumentos.

Quando avaliamos Fundo a Fundo, percebemos hoje que é uma estatística “meia calabresa, meia muçarela”, isto é, praticamente metade dos FIIs de Tijolos corrigem, outra metade, não.

Agora a pergunta: Quais irão corrigir pelos próximos anos?

Ninguém sabe. Esse é o ponto.

E o mais intrigante é que a proteção da inflação é uma tese difícil de ser reafirmada no mercado listado, visto que há variáveis a serem ponderadas, a começar pelo fato de que o Fundo fará emissões pelo caminho, mudando seus próprios desafios e expectativas.

Eis a importância de ser diligente e acompanhar seus investimentos em Fundos Imobiliários – esta é, possivelmente, a lição nº ZERO que todo investidor deve ter em mente.

Outra lição de extrema relevância é de que o investidor, mesmo em fase de fruição de renda (consumo / aposentadoria), reinvista uma parte da sua renda comprando mais cotas, até como forma de mitigar o efeito negativo da inflação acumulada no longo prazo.

Reinvestir uma parte da Renda é uma forma bem simples de se manter um plano de acumulação para toda a eternidade, de geração para geração.

Ficamos por aqui, mas, na próxima semana, tem mais!!! Iremos abordar as outras classes de Fundos imobiliários.

E, por fim, lembre-se de acessar a nossa playlist no canal do Youtube, que visa mapear os principais FIIs do mercado.

ESPERO POR VOCÊ!

Participe de nossas Lives, no Canal do Youtube da Suno Research, sobre Fundos Imobiliários às quintas-feiras às 21h e aproveite para tirar ainda mais dúvidas sobre tudo que foi abordado neste artigo.

Além disso, temos Relatórios e Radares bem completos que são publicados semanalmente, trazendo destaques dos principais Fundos Imobiliários negociados no mercado brasileiro.

Marcos Baroni

Marcos Baroni, professor há 20 anos em cursos de Graduação e MBA nas áreas de Gestão de Projetos e Processos. Graduado na área de Tecnologia da Informação e pós graduado em Educação, investe no mercado financeiro desde o início de sua carreira e há 10 anos leva conhecimento por várias cidades do Brasil sobre como conquistar a Independência Financeira.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

231 artigos
Ações

FIIs

39 artigos
FIIs

Clube Exclusivo Suno

Small Caps

Pequenas em capitlização, gigantes em potencial.

Conheça o Clube Suno Small Caps e receba recomendações das melhores Small Caps para você investir na Bolsa de Valores.