Acesso Rápido

    Factor investing: conheça a estratégia de investimento em fatores

    Factor investing: conheça a estratégia de investimento em fatores
    factor-investing

    Quando falamos de investimentos, existem diferentes tipos de filosofias, estratégias e métodos para se investir. Dentre elas está o chamado do factor investing.

    O factor investing, do ponto de vista teórico, é uma estratégia projetada para aumentar a diversificação, gerar retornos acima do mercado e gerenciar riscos. Entretanto, ao mesmo tempo, sua estrutura é baseada em regras e pré-requisitos, o que torna sua aplicação mais simples.

    O que é factor investing?

    O factor investing, também chamado de investimento em fatores, é uma estratégia de investimento onde a alocação de uma carteira é selecionada com base em fatores que podem afetar o desempenho dos ativos escolhidos.

    Segundo essa estratégia, há basicamente dois tipos de fatores que influenciam o retorno de títulos, ações e demais ativos, e que devem ser levados em conta ao se investir:

    1. Fatores macroeconômicos: eventos mais amplos e sistêmicos, que afetariam todas as categorias de ativos conjuntamente;
    2. Fatores de estilo: eventos que afetam as categorias de ativos em específico;

    Portanto, os dois tipos de fatores de investimento são classificados conforme a priorização de diferentes pontos. O objetivo sempre é obter a melhor rentabilidade com a menor exposição ao risco possível.

    Como funciona o factor investing?

    No investimento baseado em fatores, os fatores são a base da carteira. Quer dizer, eles constituem as forças que geram rendimentos em relação a ativos, ações e obrigações.

    Dessa forma, pode-se dizer que o factor investing é um tipo de gestão intermediária entre a Gestão Ativa e a Gestão Passiva.

    Isso porque o investimento em fatores busca retornos que estejam acima do mercado aliado com um método de alocação que possa ser estruturado de forma transparente, simplificada e baseada em uma série de regras a serem preenchidas.

    Assim, um aspecto que tem favorecido de forma significativa o investimento baseado em fatores é a tecnologia, mais precisamente a área de Tecnologia da Informação (TI). Dessa forma, por meio da tecnologia, podem ser encontrados fatores de rendimento que serão incorporados a diferentes carteiras.

    Fatores macroeconômicos do factor investing

    Os fatores macroeconômicos que o investidor deve observar são:

    • Crescimento econômico;
    • Taxas reais;
    • Inflação;
    • Crédito;
    • Mercados emergentes;
    • Liquidez.

    Fundamentos de estilo do factor investing

    Por outro lado, os fatores de estilo alvos do investidor adepto ao factor investing são:

    1. Valor: O fator valor visa capturar retornos excedentes das ações que têm preços baixos em relação ao seu valor intrínseco. Isso geralmente é rastreado por preço de reserva, dividendos e fluxo de caixa livre.
    2. Tamanho: Como empresas menores tendem a crescer mais que empresas maiores, as carteiras compostas por small caps exibem retornos maiores do que as carteiras com apenas large caps. Os investidores podem analisar o fator tamanho observando a capitalização de mercado de uma ação.
    3. Momento: ativos com desempenho alto no passado tendem a mostrar retornos expressivos no futuro. Logo, esses investimentos podem ter um prêmio de risco – já que uma a reversão na tendência dos preços pode causar uma grande queda.
    4. Qualidade: A qualidade de um ativo é alta quando existe dívida baixa, crescimento, geração de caixa e governança corporativa. A qualidade pode ser definida por meio de indicadores financeiros como dívida sobre patrimônio líquido, retorno sobre patrimônio líquido, lucratividade, entre outros.
    5. Volatilidade: segundo estudos, ações com baixa volatilidade obtêm maiores retornos ajustados ao risco do que ativos altamente voláteis.
    6. Dividend Yield: as empresas podem distribuir seu lucro através de dividendos, seja parcialmente ou totalmente, ou reinvesti-lo para expandir suas operações. Logo, é importante diversificar quanto a esse fator ao montar um portfólio.

    Portanto, factor investing é uma estratégia de investimento baseada em fatores. Esses fatores de investimento orientam a gestão das carteiras. Por outro lado, a tecnologia chegou para democratizar esse meio de investimento, que já era executado no passado por alguns investidores.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    4 comentários

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *

    • Victor Cordeiro Costa 3 de maio de 2020

      Como nenhum comentário para essa estratégia maravilhosa de investimento? Sensacional. Eu sou da área de TI e criei a minha própria estratégia de Factor Investing baseada em princípios seguidos poe Benjamin Graham, Warren Buffet, Keneth Fishet, Joel Greenblat, Décio Bazin e até mesmo alguns indicadores recomendado por você, Tiago Reis.

      Responder
      • Suno Research 3 de maio de 2020

        Muito legal, Victor!
        Bons investimentos.

        Responder
      • Dani 15 de julho de 2020

        Você fez uma combinação linear ou algo diferente?

        Responder
    • Andrea 28 de julho de 2020

      Obrigada por definir tão sucintamente e claramente o conceito. Uma aula em 3 minutos !!

      Responder