Empréstimo consignado
Por: Tiago Reis

Empréstimo consignado: entenda como funciona esse tipo de crédito

Muito provavelmente você já ouviu o termo “empréstimo consignado”, e tem alguma ideia do que significa.

Porém, apesar dos aparentes benefícios dessa modalidade de crédito, o empréstimo consignado pode esconder algumas desvantagens para o devedor. Por isso, é essencial não só entender como ele funciona, mas também estar atento a todas as condições de pagamento impostas pelo emprestador.

O que é o empréstimo consignado?

O empréstimo consignado ou crédito consignado é uma modalidade de crédito que apresenta vantagens e desvantagens, sendo um dos benefícios a taxa de juros. Assim como o seu próprio nome sugere, essa forma de empréstimo é dada em consignação — ou seja, sem estabelecer um valor fixo a ser emprestado.

Por conceder essa liberdade , a instituição precisa ter garantias mais sólidas por parte do devedor do que em outras modalidades de empréstimo. Por isso, o empréstimo consignado para aposentados e funcionários públicos são muito populares — já que nesses dois casos, o tomador do empréstimo tem comprovadamente uma fonte de renda concreta e assegurada todos os meses.

Quem pode conceder e quem pode solicitar um empréstimo consignado?

Empréstimo consignado

O empréstimo consignado pode ser concedido por instituições financeiras aos seguintes indivíduos:

  1. Profissionais contratados com carteira assinada;
  2. Funcionários públicos;
  3. Beneficiários do INSS, por exemplo, aposentados e pensionistas.

Para conseguir este empréstimo, você precisa comprovar que se enquadra em uma das categorias citadas, visto que tal negociação se encontra atrelada à renda de quem solicita o crédito: as parcelas do pagamento são descontadas diretamente do salário mensal, antes mesmo que ele esteja na conta.

Assim, o pagamento do empréstimo consignado é realizado pelo banco no qual o salário, aposentadoria ou pensão são depositados, o que evita a inadimplência.

Quem não estiver habilitado a solicitar empréstimo consignado pode recorrer ao empréstimo pessoal em uma instituição financeira, mas muitas delas exigem comprovação de renda para conceder o crédito.

Vantagens e desvantagens do empréstimo consignado

As vantagens do empréstimo consignado são:

  • Juros menores concedidos pela instituição financeira que realiza o empréstimo, uma vez que esta tem a garantia de que vai receber o pagamento;
  • Não é necessário que a pessoa que realizou o empréstimo se preocupe em pagar as parcelas, pois são descontadas automaticamente, o que impede pagamento de multa e de juros por atraso.

Por outro lado, as desvantagens do empréstimo consignado são as seguintes:

  • Se a pessoa que conseguiu o empréstimo tiver imprevistos e precisar utilizar o dinheiro destinado ao crédito consignado, não poderá fazê-lo, visto que o pagamento não pode ser cancelado, nem periodicamente;
  • Caso quem pretenda solicitar o empréstimo seja funcionário em uma empresa privada, deve conseguir a aprovação na área de Recursos Humanos, e há o risco de o pedido não ser atendido, ou de o valor disponibilizado pela empresa ser inferior ao pretendido.

Empréstimo consignado com garantia do FGTS

O Ministério do Trabalho, em parceria com a Caixa Econômica Federal, criou uma linha de crédito especial: o empréstimo consignado com garantia do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Qualquer trabalhador com carteira assinada pode utilizar esta modalidade de empréstimo, a qual é regida pela Lei 13.313/2016, como outros empréstimos consignados, de forma que:

  • O limite de crédito é de 30% do salário;
  • Os juros não podem ultrapassar 3,5% ao mês;
  • Diferentemente do crédito consignado tradicional, o parcelamento pode ser realizado em 48 vezes;
  • A taxa máxima de garantia por meio do FGTS é 10% do saldo disponível, sendo a multa rescisória de 40% do saldo do FGTS, se houver demissão por justa causa.

O crédito consignado da Caixa por meio do FGTS tem 0,5% a mais de juros que outras modalidades de consignado e pode ser solicitado em uma das agências da Caixa Econômica Federal, a qual gerencia o FGTS e pode dimensionar os valores monetários e riscos do empréstimo.

Vale a pena fazer um empréstimo consignado?

Quando necessário, o empréstimo consignado não deixa de ser uma alternativa relativamente segura tanto para as instituições financeiras como para as pessoas que solicitam o crédito. Porém, é necessário ter cuidado para que a dívida não vire uma bola de neve impagável. Logo, ao optar por esse crédito, faça antes um bom planejamento financeiro: baixe a nossa Planilha da Vida Financeira e controle diretamente todas as suas receitas, despesas, investimentos e dívidas a pagar da melhor forma.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

207 artigos
Ações

FIIs

54 artigos
FIIs

Planilha Gratuito

Controle
SUAS
FINANçAS

Uma planilha 100% Gratuita para ajudar você a organizar as suas finanças!