Acesso Rápido

    Duration modificada: saiba o que é e como calculá-la

    Duration modificada: saiba o que é e como calculá-la

    Para a investimentos em títulos de renda fixa, conhecer a técnica da duration modificada pode ser extremamente significante.

    Logo, para obter melhores resultados com a aplicação em títulos, é importante entender o que é a duration modificada e como calculá-la.

    O que é a duration modificada?

    A duration modificada é uma derivação da duration simples, que demonstra a sensibilidade dos títulos em relação a taxa de juros de mercado.

    Ou seja, essa fórmula busca demonstrar o que acontecerá com o preço dos títulos a partir de variações na taxa de juros.

    Guia de Investimento em Renda Fixa

    Invista com segurança e rentabilidade: baixe gratuitamente o nosso ebook e conheça as principais opções de investimento em Renda Fixa!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Contudo, para entender perfeitamente o que é a duration modificada, é necessário voltar alguns passos, e compreender o que é a duration de um título.

    O que é a duration?

    Para os títulos de renda fixa, o termo duration é frequentemente usado para designar o tempo médio em que um investidor terá seu crédito totalmente pago. E, claro, no caso da duration modificada, o termo é usado para apontar a sensibilidade de determinado título à taxa de juros.

    É determinado que a duration de um título de renda préfixado, sem cupom, é igual ao prazo de vencimento do título. Então se um título tem o prazo de vencimento de 5 anos, a duration será de 5 anos.

    Em contrapartida, para os títulos com cupom, o cálculo da duration é realizado de outra forma.

    Duration de Macaulay

    Os títulos de cupom são criados com base na duration de Macaulay, que é a forma que é possível encontrar a exata duration, em unidade de tempo (normalmente ano), para títulos de renda fixa com cupom.

    A fórmula da duration de Macaulay é a seguinte:

     

    Onde:

    • D: duration;
    • t: prazo do título;
    • C: fluxo de caixa do título;
    • r: taxa pré-fixada.

    Quer ter mais sucesso no investimento da renda fixa? Então acesse o Minicurso do Tesouro Direto da Suno Research.

    Como calcular a duration modificada?

    No entanto, o resultado do cálculo da duration demonstrado acima nos aponta apenas se a duration do título é menor ou maior que o prazo de vencimento do mesmo, o que pode ser usado como critério avaliativo para os títulos.

    Encontrar a sensibilidade do título em relação a taxa de juros pode trazer muito mais embasamento para o investidor, e é exatamente isso que a duration modificada aponta. Inclusive essa costuma ser uma análise realizada pelos gestores de fundos de renda fixa, ao estudar esse tipo de papel.

    Portanto, para obter o resultado da sensibilidade do título, deve-se usar a seguinte fórmula da duration modificada:

    Onde:

    O resultado extraído dessa fórmula deve ser visto em termos percentuais e o resultado deve ser interpretado da seguinte maneira: para cada 1% de variação na Selic, teremos x% de de variação no sentido oposto do título, sendo x igual ao resultado da duration modificada.

    Esse artigo te ajudou a entender melhor o que é a duration modificada? Deixe comentários e possíveis dúvidas no espaço abaixo.

    Tiago Reis
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *