Dividendos e vantagens competitivas

Quando se investe em uma ação é importante que tenha escolhido uma empresa que tenha fortalezas que protejam a empresa da concorrência.

Em termos de rentabilidade, concorrência não é saudável para um negócio. Concorrência oferece produtos mais baratos, disputa profissionais no mercado, e cria inovações tecnológicas que podem tornar um produto obsoleto.

E como se proteger da concorrência? Possuindo vantagens competitivas.

O que são vantagens competitivas?

Vantagens competitivas são características que uma empresa possui que permitem que seus produtos sejam mais desejados que seus concorrentes ou sejam ofertados a preços menores que seus competitivos.

As vantagens competitivas permitem que as empresas que as possuem apresentem rentabilidade maior que a média das empresas, pois a empresa consegue praticar preços que permitem que suas margens sejam superiores.

Descrição das vantagens:

As vantagens competitivas podem ser subdividas em 5 categorias.

A) Marca forte:

Uma empresa que possui marca forte possui a preferencia do consumidor, em seu segmento.

Uma empresa com marcas fortes possui consumidores que, além de serem fiéis aos atuais produtos e serviços, estão mais abertos a comprarem novos produtos daquela marca.

Um exemplo de empresa que possui marca forte é a Harley Davidson, empresa que produz motocicletas. Seus clientes são tão fiéis, que alguns deles chegam a tatuar o logo da empresa.

B) Switch Cost:

Uma empresa que possui esta vantagem competitiva se destaca, pois, o consumidor é fiel ao seu produto, pois o custo de ir para um produto concorrente é elevado.

Uma empresa que se destaca por esta vantagem competitiva é a Microsoft. O Microsoft Office é um software que muitos usuários utilizam faz tempo e existe um custo de aprendizagem muito grande para usuário que queiram usar softwares concorrentes, como por exemplo o Google Docs, que inclusive é oferecido gratuitamente.

C) Escala:

Uma empresa que possui esta vantagem competitiva se destaca por ter bases de ativos significativos que permitem que a empresa dilua custos em uma base maior que seus competidores.

O Wallmart, por exemplo, é um dos maiores compradores de quase todas as empresas de consumo e, desta forma, ele consegue uma escala para negociar com essas empresas que outras empresas não conseguem replicar. Como consequência o Walmart compra a preços menores que seus concorrentes e repassa este ganho de escala ao consumidor vendendo mercadorias a preços mais baixos.

D) Efeito de Rede:

Empresas com esta vantagem competitiva tem como característica que seus serviços se tornam mais importantes e relevantes na proporção que mais usuários estejam em sua plataforma.

O Facebook é uma empresa cuja a rede social se torna mais relevante conforme mais pessoas frequentam a sua plataforma. Um novo concorrente teria dificuldade de atrair usuários sem ter a mesma base de usuários. Neste caso, o usuário quer frequentar o site que outros usuários já estão, e a cada dia que passa e mais gente frequenta o Facebook, mais a sua rede tem valor aos seus próprios usuários.

E) Patentes e Acesso Exclusividade:

Uma empresa que possui esta vantagem competitiva consegue margens superiores pois outras empresas não tem acesso aos mesmos recursos que esta empresa, e desta forma não conseguem replicar o seu produto em qualidade ou em custo de produção.

As empresas de medicamentos, como a Pfizer, possuem esta vantagem competitiva. Somente elas podem produzir e comercializar medicamentos que elas possuem as patentes, enquanto que demais concorrentes não poderão oferecer os mesmos produtos pois não podem replicar o produto, pois não possuem a licença para isso.

Duração da vantagem competitiva

As vantagens competitivas não duram eternamente e algumas vantagens competitivas duram menos do que outras.

A Kodak, por exemplo, era uma empresa com vantagens competitivas relevantes, mas perdeu estas fortalezas. Sua marca era líder de mercado e a empresa possuía patentes que lhe permitiam produzir produtos inovadores que outros competidores não tinham.

Porém, como a empresa não soube se adaptar a uma nova realidade de mercado – em que cada vez menos consumidores compravam câmeras fotográficas (pois os celulares começaram a ser fabricados com câmeras) – a Kodak ficou para trás: sua marca já não tinha mais representatividade para o consumidor e seus produtos se tornaram obsoletos.

Tome cuidado, portanto, com vantagens competitivas que dependam de diferenciais tecnológicos.

Exemplos Brasileiros

Atualmente encontramos duas empresas com vantagens competitivas relevantes e que pagam dividendos generosos aos seus acionistas.

A) Itaúsa – ITSA4:

A Itaúsa é a holding que controla o Banco Itaú Unibanco, maior banco privado do Brasil. Os resultados do Itaú representam mais de 90% dos lucros da holding.

O Itaú é um banco com uma marca muito forte. Segundo levantamento da consultoria Interbrand, o Itaú é a marca mais valiosa do Brasil.

Além disso, o Itaú possui escala, por ser o maior banco do Brasil, que lhe permite diluir custos fixos em uma base de clientes maior que seus concorrentes.

Com isso, o Itaú apresenta historicamente um retorno sobre patrimônio liquido superior a 20%. Atualmente, a Itaúsa remunera os seus acionistas com dividendos de 6% ao ano.

B) Banco do Brasil Seguridade – BBSE3:

A BB Seguridade é a empresa responsável por operar e comercializa seguros do Banco do Brasil,

A BB Seguridade possui a exclusividade de comercialização de seguros para a base de clientes do Banco do Brasil. O acesso exclusivo a esta base de clientes permite que não exista concorrência na oferta de produtos de seguros para os clientes do Banco do Brasil.

Desta forma, a BB Seguridade apresenta historicamente um retorno sobre patrimônio liquido superior a 50%. Atualmente, a BB Seguridade remunera os seus acionistas com dividendos de 6% ao ano.


Se você se interessa por ações que pagam dividendos, enviamos aos nossos clientes um relatório semanal analisando em profundidade empresas que possuem estas características. Para assinar basta clicar aqui e escolher seu plano de assinatura.

Comentários

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

©2018 SUNO RESEARCH | Investimentos inteligentes

Share This

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account