Acesso Rápido

    Demonstrações financeiras: como analisar? Conheça as mais importantes

    Demonstrações financeiras: como analisar? Conheça as mais importantes
    demonstrações financeiras

    As demonstrações financeiras são importantes para qualquer investidor que deseje conhecer mais a respeito das empresas nas quais investe.

    Todo investidor que quiser analisar uma empresa deve entender do que se tratam esses documentos, de forma a evitar empresas que não entreguem bons resultados.

    O que são demonstrações financeiras?

    As demonstrações financeiras são relatórios contábeis usados para auxiliar o processo de tomada de decisão na gestão de empresas. As principais demonstrações utilizadas são o balanço patrimonialdemonstração do resultado do exercício (DRE) e demonstração do fluxo de caixa.

    Entretanto, as demonstrações podem ainda ser individuais ou consolidadas. Quando forem individuais estamos falando apenas da companhia controladora.

    Minicurso: Contabilidade para Investidores

    Inscreva-se no nosso minicurso gratuito e aprenda os principais conceitos de contabilidade para quem quer investir em empresas na Bolsa de Valores!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    No entanto, no caso da apresentação consolidada, são observadas como única entidade econômica tanto a empresa controladora, assim como suas subsidiárias.

    Sendo assim, o ideal para quem está começando a analisar ações é utilizar as demonstrações consolidadas, pois elas tendem a ser mais simples de avaliar.

    Também é importante ressaltar que esses demonstrativos possuem prazo para serem entregues. No Brasil, as empresas devem divulgar essas informações trimestralmente, e o atraso na entrega não deve ser visto com bons olhos.

    Por fim, vale mencionar que alguns desses documentos não possuem muita utilidade para o investidor pessoa física. Sendo assim, vale destacar aquelas que são de maior utilidade para o pequeno investidor.

    Para que servem as demonstrações financeiras?

    Através da análise do demonstrativo financeiro, a equipe de uma empresa, um sócio ou um investidor podem tomar suas decisões de forma mais previsível, evitando tomar decisões sem nenhum tipo de embasamento.

    De fato, os controladores e membros gerenciais de uma empresa só conseguirão tomar decisões acertadas a respeito do futuro da empresa se possuírem esses dados de forma detalhada, pois assim poderão se planejar melhor.

    Dados como a saúde financeira da empresa, suas margens e perspectivas diversas só podem ser acessadas com total clareza a partir das demonstrações.

    Em segundo lugar, pode ser importante ter esse tipo de informação caso alguém deseje se tornar sócio da empresa. A partir da análise das demonstrações financeiras, o possível sócio decide se vale a pena ou não comprar parte da companhia.

    Por fim, vale a pena citar que, para o investidor pessoa física, é muito importante ter o domínio básico da contabilidade financeira, com o intuito de avaliar a qualidade das companhias.

    Quais são as Principais Demonstrações Financeiras?

    As principais Demonstrações Financeiras são as seguintes:

    • Demonstração do Resultados do Exercício (DRE);
    • Demonstração do Fluxo de Caixa (DFC);
    • Balanço Patrimonial (BP);
    • Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA);
    • Demonstração do Valor Adicionado (DVA);
    • Notas Explicativas.

    1. Demonstração do Resultado do Exercício (DRE)

    A Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) informa as despesas e receitas de uma empresa ao longo de um certo período.

    Em sua estrutura, vê-se, inicialmente, os dados de receita bruta, seguido de todas as deduções feitas em relação a esse valor inicial. Sendo assim, ela uma das demonstrações financeiras mais importantes.

    Por fim, na última linha dessa demonstração, é possível ver se a empresa gerou lucro ou prejuízo em suas operações nesse período específico, e de quanto foi esse valor.

    Portanto, a DRE permite saber de que forma a empresa gera suas receitas, e se, ao fim de suas operações, ela permanece com lucro ou acumula prejuízos.

    E-book: 10 livros que todo investidor deveria ler

    Conheça os 10 livros de investimentos e finanças mais importantes e amplie seus conhecimentos como investidor!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    2. Demonstração do Fluxo de Caixa (DFC)

    A demonstração do fluxo de caixa (DFC) consiste no valor financeiro líquido (tanto de capital quanto de equivalentes monetários) que são negociados em um certo período.

    O fluxo de caixa, como é chamado na maioria das vezes, consegue mensurar as entradas e saídas do caixa de uma empresa em certo período, sendo uma das demonstrações financeiras fundamentais.

    No entanto, vale ressaltar que esse fluxo pode ser dividido em atividades operacionais (relacionadas com as atividades da empresa), de investimentos e de financiamos.

    Sendo assim, um fluxo de caixa positivo indica que os ativos líquidos de uma determinada companhia estão crescendo ao longo do tempo. Por outro lado, um fluxo de caixa negativo indica uma diminuição em seus ativos líquidos.

    3. Balanço Patrimonial (BP)

    O balanço patrimonial (BP) de uma empresa fornece dados sobre a condição do patrimônio e das finanças da companhia ao final de determinado período.

    O balanço oferece, de forma geral, as informações sobre a situação econômica e contábil da companhia analisada. Dados como bens, direitos e valores que a empresa possui em um determinado momento são levantados nesse documento.

    No entanto, vale a pena ressaltar que o balanço patrimonial, geralmente, é apresentado de forma anual, apresentando a evolução contábil do patrimônio da empresa.

    4. Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA)

    A Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA) é usada para demonstras as mudanças ocorridas no patrimônio líquido da empresa ao longo do período avaliado.

    De fato, essa demonstração serve para averiguar se houve aumento do lucro nas operações da companhia ou se houve o acúmulo de prejuízos, sendo uma das demonstrações financeiras menos conhecidas.

    5. Demonstração do Valor Adicionado (DVA)

    A Demonstração do Valor Adicionado (DVA) consegue evidenciar o valor que foi gerado por uma companhia em certo período. Além disso, é possível ver a distribuição desse valor entre todos os participantes da cadeia produtiva.

    Sendo assim, a DVA averigua quanta riqueza foi adicionada ao balanço de uma companhia. Essa riqueza possui o nome de valor adicionado.

    6. Notas Explicativas

    Como o próprio nome sugere, as notas explicativas servem para fornecer informações que facilitem o entendimento das demais demonstrações.

    Sendo assim, essas notas podem fornecer informações importantes, como os motivos de uma diminuição do caixa da empresa, de uma distribuição de proventos atípica, entre outros fatos relevantes que podem gerar confusão sem a devida contextualização.

    Planilha de Controle de Investimentos

    Faça o controle completo das suas ações, FIIs e todos os seus investimentos com a nossa planilha gratuita de Controle de Investimentos!

    Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

    Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

    Por que as Demonstrações Financeiras são importantes?

    As demonstrações financeiras são documentos indispensáveis para realizar uma análise minimamente adequada de uma companhia, dando conforto ao investidor na hora de escolher seus investimentos.

    No entanto, vale a pena ressaltar que, para o investidor pessoa física, três são as principais demonstrações: a DRE, Balanço Patrimonial, e Fluxo de Caixa.

    Assim, se o pequeno investidor souber como avaliar cada uma dessas demonstrações, certamente ele irá entender mais profundamente o desempenho e solidez financeira de determinada empresa.

    Dessa forma, o investidor tomará decisões de forma muito mais acertada, evitando perder seu dinheiro com promessas de ganhos rápidos.

    Por fim, vale ressaltar que a interpretação das demonstrações financeiras também é útil para aqueles que forem empreender, pois o conhecimento da saúde financeira da empresa é fundamental.

    Ainda possui dúvidas a respeito das demonstrações financeiras? Comente abaixo para que possamos ajudá-lo.

    Rodrigo Wainberg
    Compartilhe sua opinião
    Nenhum comentário

    O seu email não será publicado. Nome e email são obrigatórios *