Resumo da Semana

Corretagem ZERO – uma motivação a mais ao investidor

By 18 de outubro de 2018 No Comments

Nesta semana, teremos uma Live muito especial, pois teremos a presença do time de gestão da Rio Bravo Investimentos – vamos tratar de diversos temas relacionados aos fundos imobiliários no Brasil. Será imperdível!

ATENÇÃO – Início previsto para 19h30

A outra surpresa é que estou hoje em São Paulo e faremos a Live diretamente da nossa sede.

Link Direto para a Live – 18 de outubro de 2018 das 19h30 às 21h

Todos vocês já sabem, mas não custa lembrá-los: a Suno Research é independente e a coluna semanal do Fiikipedia tem ainda uma camada adicional de liberdade internamente, visto que o Tiago Reis me deu total autonomia para expor minhas visões pessoais em relação ao mercado de fundos imobiliários.

Aqui, não tratamos de indicações ou não. Pelo contrário. Nosso principal objetivo no Fiikipedia é apresentar conceitos e estudos que possam oferecer mais segurança aos investidores focados em uma carteira previdenciária.

Pois bem.

Na semana passada, fomos surpreendidos (positivamente) de que a maior corretora de valores do mercado, que inclusive tem como sócia um dos principais bancos de varejo do Brasil, anunciou corretagem ZERO para fundos imobiliários.

Claro que fiquei muito feliz com esta notícia, especialmente por dois motivos:

  • Em primeiro lugar, pelo fato de que o mercado de FIIs ficará cada vez mais democrático, isto é, pequenos investidores poderão acessar esta classe de investimentos com mais eficiência, o que é sensacional para incentivar (e motivar) o investimento em FIIs.
  • E mais: os fundos imobiliários negociam em frações unitárias, ou seja, é comum os investidores abastecerem suas carteiras mensalmente de forma bastante pulverizada.

No entanto, é justo reforçar que outras corretoras já haviam iniciado o processo de zeragem de taxas de corretagem para os FIIs. Não é uma novidade no mercado, mas é sem dúvida alguma, uma tendência.

Estamos cada vez mais convencidos que este movimento irá acontecer em mais corretoras – é possível, inclusive, que a isenção possa chegar também aos grandes bancos, assim como já estamos vendo em relação ao Tesouro Direto, onde ao menos 03 deles já não cobram mais taxa de administração, que antes chegava a 0,50% ao ano. Agora é zero!

Particularmente, eu fico eufórico quando vejo o mercado desenvolvendo e ficando cada vez mais acessível à população em geral.

Eu viajo Brasil a fora e sempre levo a minha mensagem. É simples, eu sei, mas procuro dar a minha contribuição de alguma forma para que as pessoas fiquem atentas à importância de se preocuparem em criar (e manter) uma carteira previdenciária.

A bem da verdade é que todos nós, que somos mais experientes, sabemos que a redução de custos é fundamental para que o retorno no longo prazo tenha um resultado mais eficaz e, além disto, motiva agora os novos investidores e acessarem investimentos mais sofisticados.

As oportunidades estão diante de seus olhos.

Corretagem ZERO talvez seja o empurrãozinho que faltava para você. Pesquise e verá que ao menos cinco corretoras importantes no mercado já zeraram suas taxas.

É um mundo novo que se abre a partir do primeiro fundo imobiliário comprado – sou prova viva disto.

ESPERO POR VOCÊ!

Participe de nossas Lives, no Canal do Youtube da Suno Research, sobre Fundos Imobiliários às quintas-feiras às 21h e aproveite para tirar ainda mais dúvidas sobre tudo que foi abordado neste artigo.

Além disso, temos Relatórios e Radares bem completos que são publicados semanalmente, trazendo destaques dos principais Fundos Imobiliários negociados no mercado brasileiro.

Compartilhe a sua opinião
Marcos Baroni

Marcos Baroni

Marcos Baroni, professor há 20 anos em cursos de Graduação e MBA nas áreas de Gestão de Projetos e Processos. Graduado na área de Tecnologia da Informação e pós graduado em Educação, investe no mercado financeiro desde o início de sua carreira e há 10 anos leva conhecimento por várias cidades do Brasil sobre como conquistar a Independência Financeira.