ações baratas
Por: Tiago Reis

Como saber a qualidade de uma ação que está barata?

Sempre busco abordar a importância de estar atento ao preço dos ativos, buscando investir quando ele se encontra com um bom desconto abaixo do valor intrínseco. Trata-se de uma estratégia amplamente utilizada por vários investidores lendários, considerados os melhores que já existiram.

Deste modo, é possível investir com menos risco devido à utilização da margem de segurança, além de aumentar o potencial de retorno.

Sei que muitos, provavelmente, já entendem esta parte da abordagem. No entanto, possivelmente, podem existir dúvidas a respeito de como separar as ações baratas que realmente são boas das ações baratas que são ruins.

Talvez essa seja uma das maiores chaves do investimento em valor: determinar a qualidade da empresa. É uma parte do processo do investimento com a qual todo investidor se depara, inevitavelmente.

Lembre-se sempre do valuation

Primeiramente, é claro, o valuation é a parte mais importante. Isto é, devemos estar realizando nossa busca em meio a ações baratas.

Ainda assim, devo mencionar um pouco a estratégia de Ben Graham. O Pai do Investimento em Valor utilizava uma estratégia que seu aprendiz, Warren Buffett, chama de investir em cigar butts. Isto é, algo como encontrar uma ponta de cigarro usada no chão, com algo ainda a ser utilizado.

A ideia por trás da analogia é a seguinte: embora as ações talvez não fossem de qualidade, elas estavam jogadas no chão, sem que ninguém as quisesse por causa de sua mediocridade, também sem nenhum valor aparente – muito baratas. Mas ainda havia algo que certamente podia ser extraído delas.

Graham não olhava para a qualidade, apenas para o preço. Walter Schloss, um de seus discípulos, deixou essa estratégia bem no começo de sua carreira. O superinvestidor passou a se atentar para a qualidade, porém, em certos casos, um preço baixíssimo era capaz de fazê-lo ignorar a má qualidade. Buffett, por sua vez, utiliza como condições essenciais a qualidade e o preço.

No entanto, vejo certos problemas com as cigar butts. Em minha opinião, a abordagem utilizada por Buffett é mais coerente, embora a estratégia de Graham ainda possa ser utilizada.

Buffett está corretíssimo quando afirma: “o tempo é amigo dos bons negócios, e inimigo dos maus negócios”.

Isto é, eventualmente pode-se cometer algum erro, pagando mais caro do que se deveria por um determinado negócio. Mas, no longo prazo, provavelmente o investidor será recompensado.

Já na compra de negócios medíocres, o investidor só será recompensado se realizar o lucro da venda logo quando a ação caminhar na direção do valor justo, uma vez que maus negócios geralmente destroem valor no longo prazo.

Critérios que ajudam a determinar a qualidade

Após encontrar as ações baratas, por meio das técnicas adequadas, é necessário filtrá-las com base em alguns critérios. Vou elencar alguns que podem ser utilizados para este fim.

  • Qual é o nível de dívida?

Devemos checar o balanço da empresa e sua estrutura de dívidas. Dívidas não são sempre ruins, porém, podem acentuar alguns problemas pelos quais a empresa passa;

  • Quais são os retornos da companhia?

É necessário olhar para o ROE e para o ROIC. Altos retornos com consistência, sem muita dívida, podem ser indicadores de boas vantagens competitivas. Aproveitando o assunto: ontem, no meu canal do YouTube, postei um vídeo no qual falo um pouco a respeito de ROE, assista para saber um pouco mais sobre o indicador.

  • Observar os resultados dos últimos dez anos.

Alguns resultados, como crescimento de receitas e fluxo de caixa positivo, num longo período, podem ser um bom indicativo de que a companhia é de boa qualidade.

  • Observar as margens.

Buffett diz que uma companhia com uma margem bruta elevada e consistente, ao longo de um bom tempo, provavelmente possui uma vantagem competitiva.

 

Estes métodos são quantitativos, e ajudam a indicar se a empresa, cuja ação barata olhamos, tem chances de ser de boa qualidade. Quando encontramos algo mais interessante, é necessária uma análise mais profunda, incluindo a leitura dos relatórios anuais, atentando para os detalhes. No entanto, este procedimento já é um bom filtro para separar as melhores candidatas.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

2 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Adriano 6 de setembro de 2019

    Excelente a matéria , em especial para quem esta engatinhando.
    Onde encontrar tais informações sobre a Empresa?
    Estes sites de fundamentos são confiáveis?

    Responder
  • Antoniello 7 de setembro de 2019

    Gosto das suas análises porque são fundamentadas em autores consagrados e sem gastar muito latin. Tempo é dinheiro, precisamos focar em indicadores de fácil leitura e de grande relevância. Parabéns pelo trabalho!!!

    Responder
Leia Mais...
Outras Seções

Ações

202 artigos
Ações

FIIs

51 artigos
FIIs

eBook Gratuito

Como analisar uma ação

Conheça o Passo A Passo para você analisar quais as melhores ações para investir!

Série Guia Suno

3 Livros pelo preço de 1

Aprenda tudo que você precisa saber para começar a investir com a série didática de livros Guia Suno

%d blogueiros gostam disto: