Por: Tiago Reis

Como melhorar seus hábitos relacionados a investimentos?

Hábitos, geralmente, são formados na busca por um objetivo. Não importa quão digno ou desejável, eles são formados na construção de uma identidade pessoal. Isto é, quem você pensa ser e o que você representa.

À medida que avançamos em nossa vida, nossos hábitos costumam mudar periodicamente. Isso é interessante de se notar, uma vez que estas mudanças acontecem para refletir nossas experiências de vida. O que valorizamos agora pode ser muito diferente do que valorizávamos há 10, 20 ou 30 anos.

Faço então uma pergunta: seus hábitos atuais estão conduzindo-o ao seu estilo de vida desejado?

Portanto, estarei interessado em falar, particularmente, de hábitos financeiros. Neste sentido, acredito fortemente que devemos gastar com o que é necessário. Assim, é importante evitar o que é supérfluo, sempre empregando esforços para poupar parte de nossa renda, visando a construção de um patrimônio capaz de gerar renda. Este é o alicerce para se alcançar um futuro financeiramente confortável.

Problemas com dinheiro podem ser abstratos, complexos e desafiadores. Os seres humanos apresentam uma característica inerente que os faz favorecer o prazer imediato, ao invés de uma gratificação maior posteriormente.

Deste modo, trago algumas ideias que podem ajudar a melhorar os hábitos de ganhos, gastos, economia e investimento, que servirão tanto para os investidores iniciantes, quanto para uma eventual reflexão para os investidores mais experientes.

Evite tomar decisões financeiras em momentos de emoção

5 amostras gratuitas para você conhecer a Suno!

Existe um estudo famoso da universidade de Stanford a respeito de “gratificação adiada” (do inglês, delayed gratification). Nele, os pesquisadores ofereciam a uma criança uma pequena recompensa imediatamente, ou duas pequenas recompensas se elas esperassem um curto período. Geralmente, as recompensas eram marshmallows, cookies ou pretzels.

Dentre outras implicações deste estudo, pode-se tirar como lição a importância da paciência. As crianças que controlaram o seu desejo imediato, foram recompensadas com uma quantidade maior, posteriormente.

Isso acontece de maneira similar no mundo dos investimentos. Deve-se ter paciência para construir um patrimônio no longo prazo, abrindo mão agora, para receber mais depois.

Além disso, pessoas que tomam decisões em momentos de emoção estão mais suscetíveis a pagar caro por algo, ou vender a mesma coisa por um preço muito barato, em comparação àqueles que agem em estados emocionais mais controlados.

É preciso tomar cuidado com atitudes impulsivas para não tomar decisões financeiras irracionais.

Se desvencilhe dos ruídos do mercado

Eu evito olhar previsões mirabolantes a respeito do mercado. O futuro, no âmbito dos investimentos, é sempre incerto. Portanto, pensar o contrário disso pode ser uma atitude ingênua que leva a tomar decisões ruins. Deste modo, é importante se basear em sólidas evidências para analisar os eventos mais prováveis no futuro das empresas.

Acredito fortemente nos investimentos de longo prazo. Então, olhar constantemente os rendimentos é algo que procuro não fazer. Isso porque, se estou investindo em um horizonte de longuíssimo prazo, por que me preocupar com esta semana, ou com este mês? No curto prazo, as oscilações do mercado não refletem os fundamentos das companhias.

Como o lendário investidor Peter Lynch disse: “Mais dinheiro foi perdido por investidores ao se prepararem para as correções ou tentando antecipá-las do que foi perdido nas correções em si”.

Troque um hábito ruim por um hábito bom

Invista como Warren Buffett

Esta sugestão é bastante popular, e serve para outros âmbitos além dos investimentos. Neste sentido, podemos considerar hábitos ruins tudo o que não traz retornos positivos. Portanto, esta parte é bastante pessoal.

Para mim, procrastinação é um hábito ruim, que poderia ser substituído, por exemplo, por uma leitura. Assim, o indivíduo acumulará conhecimento com este novo hábito.

Conhecimento é algo de extrema importância para o campo dos investimentos. Outras características também podem ser desenvolvidas por meio de bons hábitos.

Portanto, esta sugestão não se trata de algo que afeta diretamente a área das finanças pessoais. Mas sim, algo que pode ter um impacto bastante relevante, de maneira indireta.

Por fim, devo dizer algo em que acredito: bons hábitos são o segredo do sucesso em várias áreas da vida, inclusive nos investimentos. Um Almirante da Marinha Americana, William McRaven, é famoso por dizer que “se você deseja mudar o mundo, comece arrumando sua própria cama”. Trata-se de um bom hábito, capaz de influenciar no desenvolvimento de outros hábitos melhores ainda.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

202 artigos
Ações

FIIs

52 artigos
FIIs

eBook Gratuito

Como analisar uma ação

Conheça o Passo A Passo para você analisar quais as melhores ações para investir!