capital-semente
Por: Tiago Reis

O que é capital semente e qual sua importância no financiamento de novas empresas?

Empresas inovadoras que estão em estágio inicial ou que ainda não tiraram sua ideia do papel estão sempre precisando de investimento para desenvolver o seu negócio. Nessa fase, um dos modelos de financiamento mais utilizados pelos empreendedores é o conhecido seed money, ou capital semente.

Por ser um financiamento de risco, o capital semente possui muitas chances de não dar certo. Porém, se o modelo da empresa se provar rentável, o investidor poderá obter um retorno muito acima da média.

O que é capital semente?

O seed money, ou capital semente, é um modelo de financiamento destinado a empresas, startups e projetos iniciantes, ainda em fase de concepção e planejamento, onde investidores aportam uma quantia de capital para ajudar a desenvolver e iniciar o negócio.

Como o próprio nome sugere, esse tipo de investimento costuma ser um dos primeiros que uma empresa recebe – já que ele é feito muitas vezes ainda antes da organização existir de fato. Dessa forma, o capital semente é usado para garantir a estabilidade da empresa até que a mesma consiga se sustentar ou receba uma outra rodada de investimento.

Para que serve o capital semente?

A finalidade do capital semente é cobrir as despesas iniciais da empresa, principalmente durante a sua fase de desenvolvimento. Como o negócio ainda não está rodando, a empresa está muito longe de ter alguma receita – sem nem mesmo saber se terá alguma.

Por isso, o capital semente é utilizado para a empresa se sustentar enquanto formata o seu produto ou serviço, realiza de pesquisas de mercado, contrata profissionais e a finaliza do plano de negócio. Além disso, os recursos também são usados para pagar os custos fixos da empresa, como aluguel, estrutura, matéria prima, ferramentas, equipamentos e salários.

capital semente

Como funciona o aporte de capital semente?

Por melhor que seja o critério de seleção, nem toda empresa que receber capital semente dará certo e proporcionará um bom lucro para seus investidores. Por isso, normalmente o capital semente é organizado por meio de fundos de investimentos, que diversificam os aportes por várias empresas.

Esses fundos captam recursos de outros investidores e ao mesmo tempo distribuem capital semente por diversas empresas iniciantes. Dessa forma, o risco da operação é diluído, ampliando as chances desse capital retornar.

Mas além de aportar capital, os investidores de capital semente também costumam participar ativamente do cotidiano da empresa – ajudando na estruturação do negócio, oferecendo apoio estratégico e colaborando com a implementação de boas práticas de gestão.

Com essa iniciativa, chamada de smart money, a empresa não recebe apenas dinheiro em troca de uma participação societária, mas também consegue o suporte intelectual e profissional de uma rede de investidores disposta a fazer o negócio dar certo.

Qual a diferença entre capital semente e investimento anjo?

Embora ambos façam parte do setor de venture capital (capital de risco), existe uma grande diferença entre capital semente e investimento anjo.

Dentro da hierarquia dos investimentos, o seed money está acima apenas do investidor anjo – que, muitas vezes, costuma ser o próprio empreendedor que investe seu dinheiro no negócio. Enquanto a faixa de aporte do investidor anjo vai de zero até R$ 500 mil, o capital semente geralmente fica em torno de R$ 500 mil até R$ 5 milhões.

Além disso, o investidor de capital semente é considerado legalmente um sócio investidor, enquanto o investidor anjo não é classificado necessariamente como sócio – de acordo com a Lei Complementar 155/2016.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

202 artigos
Ações

FIIs

51 artigos
FIIs

eBook Gratuito

Invista Como
Warren Bufeett

Aprenda a usar a estratégia do Value Investing, usada pelo maior investidor do mundo!

Série Guia Suno

3 Livros pelo preço de 1

Aprenda tudo que você precisa saber para começar a investir com a série didática de livros Guia Suno