Anuidade do cartão de crédito
Por: Tiago Reis

Anuidade do cartão de crédito: como funciona e dicas para negociar

Grande parte dos bancos ou outras instituições financeiras que oferecem cartões exigem o pagamento de uma anuidade do cartão de crédito. No entanto, isso não é regra, e surgem cada vez mais cartões que dispensam essa taxa.

A cobrança da anuidade do cartão de crédito é realizada, no Brasil, pelas bandeiras ou instituições financeiras que oferecem o serviço, como ocorre, em geral, no caso do cartão de crédito de bancos.

O que é a anuidade do cartão de crédito?

Anuidade do cartão de crédito

A anuidade do cartão de crédito consiste em uma taxa que a instituição financeira responsável pelo mesmo recebe para que o cliente possa utilizá-lo, e se trata basicamente de uma manutenção do mesmo. Além desta taxa, há as faturas enviadas mensalmente com o valor devido, conforme as compras e os parcelamentos efetuados pelo cliente.

Existem algumas vantagens concedidas pelos bancos ou instituições de crédito mediante o pagamento da anuidade, como veremos a seguir.

Benefícios do pagamento da anuidade

Cartões de crédito, apesar de muitas vezes dispendiosos, são uma maneira fácil e prática de comprar, aceitos pela maioria dos estabelecimentos, tanto na Internet quanto no mundo físico.

Além disso, podem ser utilizados no mundo inteiro e evitam ter que carregar dinheiro vivo ou cheques.

Porém, muitas vezes há a incômoda taxa de anuidade, e, além disso, os juros, que são extremamente elevados a exemplo dos praticados pelo cheque-especial.

Mas a utilização e o pagamento da anuidade do cartão de crédito oferecem alguns benefícios, digamos, compensatórios.

Uma das grandes vantagens são os programas de pontos, em que o acúmulo destes permite a troca por produtos ou serviços. Cada tipo de cartão de crédito possui suas próprias concessões, mas, em geral, quanto mais compras, mais pontos e mais recompensas.

Cada vez mais as lojas têm criado cartões de crédito próprios, a fim de facilitar as compras de seus clientes, disponibilizando benefícios como descontos e prazos estendidos. As lojas geralmente cobram anuidade do cartão de crédito oferecido.

Obviamente, o ideal é sempre não pagar taxas quando são desnecessárias. Por isso, é indicado sempre avaliar se as recompensas oferecidas pelos emissores do cartão de fato valem a pena. Caso contrário, existem uma série de cartões de crédito sem anuidade no mercado, como:

  • Nubank
  • Digio
  • Banco Inter

A seguir, vamos ver como negociar esta anuidade.

Negociando o pagamento da anuidade do cartão de crédito

Como mencionado, nem todos os cartões de crédito possuem anuidade.

A cobrança da anuidade é mais vantajosa para quem utiliza com frequência esse método de pagamento, pois tem mais benefícios.

Entretanto, mesmo cartões sem anuidade às vezes oferecem programas de pontos e outras vantagens. Nesses casos, atente para as taxas administrativas e o seguro cobrado.

Mas, afinal, como negociar a anuidade?

Em primeiro lugar, tenha em mente que:

  1. A anuidade depende da operadora, da bandeira e do tipo do cartão de crédito. Quanto mais exclusivo o cartão, mais alta a renda exigida, o que está atrelado a uma anuidade mais elevada;
  2. Cartões mais básicos apresentam anuidades mais em conta;
  3. As taxas de anuidade variam, no entanto, no Brasil são sempre reguladas pelo Banco Central (BACEN);
  4. A anuidade pode ser parcelada;
  5. O valor da anuidade deve ser informado no ato da contratação; em caso negativo, o cliente pode entrar no site da instituição financeira e conferir tal dado, ou falar com a Central de Atendimento do cartão. É obrigatório declarar a anuidade do cartão de crédito, bem como os valores das parcelas.

Como negociar: algumas dicas

Pois bem, tendo em mente estas informações, verifique estas dicas de como negociar a anuidade do cartão de crédito:

  • Ao tomar conhecimento do valor da anuidade do cartão de crédito, tente negociar o valor ou ficar isento dessa taxa;
  • Quando for negociar a anuidade do cartão de crédito, a instituição reunirá suas informações pessoais. Isso inclui o quanto gasta com o cartão, qual é o tipo e se algum pagamento sofreu atraso;
  • Ser um “bom pagador”, sem ter CPF restrito (ou CNPJ, no caso de cartão de crédito empresarial) é um ótimo passo para conseguir negociar a anuidade;
  • Tenha informações sobre anuidades de outras instituições financeiras;
  • O valor da anuidade não é fixo, portanto, você precisará renegociá-lo a cada ano.

Em termos de negociar a anuidade, “não custa tentar”. Seja um cartão de crédito de banco ou de outra instituição financeira. É possível diminuir ou extinguir a anuidade do cartão de crédito. E isso sem deixar de receber as vantagens oferecidas pelo uso do cartão.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

202 artigos
Ações

FIIs

52 artigos
FIIs

Planilha Gratuito

Controle
SUAS
FINANçAS

Uma planilha 100% Gratuita para ajudar você a organizar as suas finanças!