Anbima
Por: Tiago Reis

Anbima – Uma representativa associação no mercado financeiro brasileiro

Para quem deseja aprofundar os seus conhecimentos sobre o mercado financeiro e de capitais, saber melhor sobre as diversas entidades que o compõe é de fundamental importância. Nesse sentido, a Anbima se faz presente de maneira relevante nesses estudos.

Por conta disso, o intuito desse artigo é descrever o que é a Anbima, o que a entidade faz e quais seus pontos de maior relevância.

Além de descrever a importância desta instituição para o mercado de capitais brasileiros, e demonstrar algumas ferramentas úteis para o investidor que podem ser localizadas no site desta entidade.

  1. Anbima – O que é?
  2. Compromissos da Anbima
  3. Fundo de Investimento – Anbima
  4. Certificadora de profissionais
  5. Índices da Anbima
  6. Conclusão 

Anbima – o que é?

O que é AnbimaCriada em 21 de outubro de 2009, Anbima é a sigla para Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais.

Essa instituição se define como o resultado da união da ANBID (Associação Nacional dos Bancos) e da ANDIMA (Associação Nacional das Instituições do Mercado Financeiro).

Ainda, esse órgão representa as instituições do mercado de capitais brasileiro, possuindo mais de 340 associados.

Entre eles bancos comerciais, bancos múltiplos, bancos de investimentos, empresas de gestão de ativos, corretoras e distribuidoras de valores mobiliários, e gestores de patrimônio.

Dessa forma, esta entidade possui um dos maiores bancos de dados sobre os mercados financeiro e de capitais no Brasil, sendo, assim, uma fonte de referência diária para as principais mídias brasileiras.

A entidade possui uma visão de fortalecer as instituições componentes do mercado de capitais.

Pode-se dizer, portanto, que a missão da Anbima é fortalecer as entidades, e assim apoiar o crescimento do mercado, de forma a gerar um crescimento social e econômico para a sociedade.

Afinal, o mercado de capitais é um grande propulsor do desenvolvimento.

Mas, para este desenvolvimento ser alcançado da melhor maneira possível, é preciso ter entidades que assegurem o cumprimento de regras por parte das instituições que compõem o mercado.

É importante ressaltar, também, que a Anbima é uma entidade criada pelo próprio mercado, a favor de sua autorregulação, e em prol da transparência e do desenvolvimento.

O fato de ser uma instituição criada pelo próprio mercado, a difere de outros órgãos reguladores, como a CVM.

De acordo com a entidade, ela é pautada pelos seguintes valores: Cooperação, excelência, inovação, integridade, pluralidade e responsabilidade. Portanto, a instituição tentar levar estes valores ao mercado como um todo.

Compromissos da Anbima

compromissos da AnbimaA Anbima é uma instituição muito importante para o bom funcionamento do mercado de capitais brasileiro.

A instituição organiza a sua atuação ao redor de quatro compromissos:

  • Informar
  • Educar
  • Autorregular
  • Representar

Vamos falar mais sobre o que representa cada um destes pontos.

Informar:

Exemplo informar Anbima
Exemplo de projeção do PIB – Anbima (Informar)

A instituição busca, através deste compromisso, munir os investidores com o máximo possível de informações úteis.

Ela fornece, por exemplo, diversos índices que podem auxiliar os investidores na tomada de decisão.

Sendo assim, é uma atividade muito importante para a instituição e para o mercado.

Neste sentido, são fornecidos dados como: Projeção da Ptax, projeção do PIB, projeção da taxa Selic e panorama macroeconômico.

Todos estes fatores são grandes influenciadores da tomada de decisão do investidor.

O investidor, portanto, se atentar a estas informações fornecidas pela Anbima.

Ao acessar a área “Informar” no site da Anbima, o investidor encontrará estudos detalhados sobre fundos de investimento, mercado de capitais, distribuição e renda fixa.

Ele pode consultar, também, todos os preços e índices vigentes no mercado.

Educar:

A instituição busca, através das certificações dos profissionais, educar e elevar o nível de conhecimento dos profissionais do mercado.

As certificações qualificam os profissionais, e asseguram a qualidade dos indivíduos atuantes do mercado.

Além disso, a instituição oferece cursos sobre o mercado voltados para os profissionais da área.

Existem diversos cursos na modalidade EAD disponíveis no site da instituição, como por exemplo, um curso sobre avaliação de empresas.

Além dos cursos voltados para o profissional da área, há também material voltado para o investidor pessoa física.

Como na seção como investir.

Há também uma central de informações sobre o investidor brasileiro. Esta central reúne características dos investidores, como por exemplo, idade, localidade e classe social.

A Anbima disponibiliza ainda um prêmio de mercado de capitais. Este prêmio busca incentivar a produção de artigos acadêmicos sobre o mercado financeiro.

Todo ano, a entidade premia ao menos uma tese de mestrado e ao menos uma de doutorado, como reconhecimento por agregar conhecimento à indústria financeira.

Autorregular:

A Anbima possui também um caráter de instituição reguladora do mercado.

As empresas do mercado, voluntariamente, aderem aos códigos da instituição, e assim, ficam sujeitas a fiscalização por parte da mesma.

Estes códigos são conhecidos como códigos de melhores práticas, e são elaborados pelos diversos comitês da entidade, os quais veremos adiante.

O cumprimento das regras contidas nos códigos é constantemente acompanhado por uma equipe supervisora.

Como exemplo de códigos da instituição podemos citar os seguintes:

  • Código de fundos de investimento
  • Código de ofertas públicas
  • Código de Private Banking
  • Código de Serviços qualificados

Ao aderir ao código da Anbima, a empresa filiada ganha bastante credibilidade frente ao mercado.

É possível, através do site da entidade, encontrar todas as instituições que aderem aos códigos.

Aqui é importante frisar o caráter voluntário do código, diferente do que ocorre, por exemplo, com as normas da CVM, ao qual as empresas do sistema financeiro são obrigadas a se submeterem.

Representar:

Comitês da Anbima
Comitês da Anbima

Representar é uma das principais atividades da organização.

A entidade busca, através deste compromisso, a representar os diferentes interesses do mercado de capitais brasileiro e contribuir para o seu progresso.

Isto é importante para assegurar que o mercado esteja em constante aperfeiçoamento.

Por meio de comitês, subcomitês, e grupos de trabalho, a instituição apresenta propostas com o objetivo de aperfeiçoar o mercado.

Estas propostas são, muitas vezes, submetidas aos órgãos públicos, e então acatadas.

Os grupos de comitês também desempenham papel importante na criação dos códigos de autorregulação.

Fundos de Investimento – Anbima

Percentual por classe de fundo Ambima
Dados da indústria de Fundos – Anbima

A entidade desempenha um papel importante no que diz respeito à informação acerca de fundos de investimento.

Além de contribuir para o investidor pessoa física, através de requerer informações mais claras por partes das empresas, ela também contribui com estatísticas importantes.

Observe, na imagem acima, a distribuição das aplicações no Brasil de acordo com a classe de fundo.

Veja, por exemplo, que os fundos de renda fixa ainda respondem por 45% do total.

Isto é fruto das altas taxas de juros históricas que vigoram no Brasil, e também da falta de informação acerca do investimento em renda variável.

Observe, por exemplo, que os fundos de ações respondem por apenas 5% do total investido em fundos de investimento.

O que é muito abaixo ao comparado com países desenvolvidos.

Patrimônio Líquido dos Fundos de Investimento

Outro dado interessante que a instituição fornece é a evolução do patrimônio líquido por classe de fundos.

Históricos FIIs Anbima
PL por classe de fundo – Anbima

Veja, a título de exemplo, o crescimento do patrimônio líquido dos fundos de ações de 2002 até 2007, quando foi interrompido pela crise financeira mundial.

Após a crise ser superada, o patrimônio líquido desta classe de fundo observou novo crescimento até o ano de 2013, quando ocorreu a recessão da economia brasileira. Esta classe só voltou a crescer novamente no de 2015.

Outro fator relevante a se observar, é o grande crescimento dos Fundos Imobiliários, os FIIs. Esta classe de fundo cresceu mais de 200x em menos de 10 anos, uma evolução bastante impressionante.

No vídeo abaixo, está uma conversa da Suno com o professor Artur Vieira de Moraes sobre FIIs para o investidor de longo prazo.

Ainda no que diz respeito a fundos de investimento, para o investidor pessoa física, é importante ao analisar a lâmina de um fundo, verificar se ele contém o selo da Anbima.

A título de exemplificação, quando surge o interesse, por parte de um investidor, em aplicar em um fundo de investimento, é comum que esse aplicador procure saber melhor a procedência daquele veículo financeiro.

Isso pode ser feito através da análise dos documentos do fundo.

Nesses documentos, é preciso sempre se atentar se o mesmo apresenta, em algum local, o carimbo da Anbima, o qual certifica positivamente que o fundo em questão segue os procedimentos desta entidade regulatória.

Caso contenha, significa que o fundo segue o código da Anbima de melhores práticas para fundos de investimento.

Este código dita regras sobre questões como: Análise de adequação do perfil do investidor, publicidade do fundo e apresentação de desempenho.

Certificadora de profissionais

Certificados AnbimaNão poderia deixar de ser mencionado, também, que este importante órgão é a principal entidade certificadora dos profissionais dos mercados financeiros e de capitais no Brasil.

A instituição aplica exames que possibilitam importantes certificações, como CPA-10, CPA-20, CEA e CGA.

As principais características dessas certificações podem constatadas abaixo:

  • CPA-10 (Certificação Profissional ANBIMA – Série 10): Certifica profissionais que atuam na prospecção ou venda de produtos de investimento diretamente para o público, em agências bancárias ou plataformas de atendimento.
  • CPA-20 (Certificação Profissional ANBIMA – Série 20): Certifica profissionais que atuam na venda de produtos de investimento ou na manutenção de carteiras nos segmentos varejo alta renda, private banking, corporate e investidores institucionais, em agências bancárias ou plataformas de atendimento. Ao obter a CPA-20, o profissional pode, automaticamente, exercer as atividades abrangidas pela CPA-10.
  • CEA (Certificação de Especialista em Investimentos ANBIMA): Certifica profissionais que assessoram os gerentes de contas de investidores pessoas físicas em investimentos, podendo indicar produtos de investimento. Ao obter a CEA, o profissional pode, automaticamente, exercer as atividades abrangidas pela CPA-10 e pela CPA-20.
  • CGA (Certificação de Gestores ANBIMA): Certifica os profissionais que atuam na gestão de recursos de terceiros, com poder para tomar decisões de investimento. A atividade de gestão pode ser realizada por meio de veículos coletivos de investimento, como fundos e clubes de investimento, ou individualmente, via carteiras administradas.

Índices da Anbima

índices AnbimaA Anbima fornece uma série índices que auxiliam os investidores individuais e os profissionais do mercado.

Os 4 grandes grupos de índices da entidade são:

  1. IMA
  2. IDkA
  3. IHFA
  4. IMA

Vamos ver mais sobre cada um deles. Cada grupo possui ainda subíndices específicos.

IMA:

Representa uma carteira teórica de títulos públicos federais.

É importante para o investidor que aplicar no tesouro direto, ou que considera este tipo de aplicação.

Afinal, o governo federal pode ser considerado o devedor com o menor risco de crédito do país, devido ao seu controle sobre a política monetária. Portanto, os demais investimentos são influenciados pela taxa de retorno dos títulos públicos.

Os subíndices do IMA são determinados pelos indexadores aos quais os títulos são atrelados:

  • IRF-M (prefixados)
  • IMA-B (indexados pelo IPCA)
  • IMA-C (indexados pelo IGP-M)
  • IMA-S (pós-fixados pela taxa Selic)

IDkA:

Mede o retorno de uma carteira teórica de títulos públicos federais com vencimento constante.

Este índice é conhecido como índice de duração constante.

Ele se subdivide na categoria pré, para os títulos prefixados, e na categoria IPCA, para os títulos remunerados pela inflação.

Os prazos variam de 2 meses até 5 anos para o pré fixado. E de 2 anos até 30 anos para os indexados ao IPCA.

IHFA:

índice Anbima
índice IhfA – Anbima

Este é o índice de hedge funds. Mede o rendimento de uma carteira teórica formada por uma cesta de fundos selecionados pela Anbima.

A cesta é revisada trimestralmente, de forma a manter somente os fundos em atuação presentes no índice.

Este índice é interessante para comparar se a indústria de fundos brasileira está conseguindo bater os principais Benchmarks do mercado.
Os fundos utilizam da gestão ativa para tentar superar os benchmarks, sendo assim, este é um critério importante para avaliar a qualidade dos fundos.

Por exemplo, é possível observar, pela imagem acima, que em 2018 até o mês de março os fundos superaram o principal benchmark da economia brasileira, o CDI.

Os fundos apresentam uma valorização e 4,88% no ano, enquanto o CDI no mesmo período rendeu 2,01%.

IDA

Este é o índice de debêntures da Anbima.

Este índice mede o retorno de uma carteira teórica composta por debêntures, que são títulos de dívida emitidos por empresas privadas.

Ele é subdividido em duas categorias, as debêntures que remuneram de acordo com o CDI, e as que remuneram de acordo com o IPCA.

Por estes títulos serem de emissão privada, é comum que apresentem maior risco que os títulos públicos, e também um maior retorno.

Portanto, é importante para o investidor de renda fixa acompanhar este índice.

Conclusão sobre a Anbima

Conclusão AnbimaFicou possível perceber a relevância que possui essa entidade no mercado financeiro e de capitais no Brasil.

A Anbima contribuiu, por exemplo, para o aumento da transparência e da qualidade do serviço no mercado brasileiro.

Sugerimos, ainda, para o esclarecimento de outras questões, que o investidor acesse o site da Anbima, pois existem diversas outras informações importantes sobre o órgão naquele ambiente.

Além disso, o site da Anbima fornece materiais importantes que auxiliam na tomada de decisão dos investimentos.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

Nenhum comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Mais...
Outras Seções

Ações

209 artigos
Ações

FIIs

53 artigos
FIIs

eBook Gratuito

Invista Como
Warren Bufeett

Aprenda a usar a estratégia do Value Investing, usada pelo maior investidor do mundo!

eBook Gratuito

Manual do Investidor

Tudo o que você precisa para dar os primeiros passos na Bolsa de Valores

CORONAVÍRUS, PETRÓLEO, ECONOMIA E INVESTIMENTOS. VOCÊ JÁ SABE O QUE FAZER?​