Por: Tiago Reis

Alguns Ensinamentos Valiosos de Warren Buffett

Warren Buffett é o quarto homem mais rico e o maior investidor do planeta Terra. Sua habilidade inestimável com relação ao mercado de ações conferiu-lhe o apelido de “Oráculo de Omaha”.

Desde o começo de sua carreira até os dias de hoje, Buffett sempre procurou dividir com o mundo sua experiência. O bilionário possui várias frases célebres e muitos ensinamentos que são amplamente difundidos no mundo dos investimentos, inclusive vários materiais sobre sua abordagem de investimentos.

Hoje, trarei alguns ensinamentos de Buffett que julgo muito valiosos. Acredito que abordar estes conselhos é extremamente benéfico aos iniciantes e, sobretudo, importantíssimo para relembrar aos mais experientes.

Foque no longo prazo

Aprenda a Investir em Dividendos

Para construir um patrimônio relevante, o investidor não deve comprar uma ação com a única intenção de vendê-la no futuro. Buffett acredita que se deve jogar o jogo do longo prazo.

Em sua carta aos acionistas da Berkshire Hathaway de 1988, o bilionário faz menção à compra de participação na Coca-Cola e no Federal Home Loan Mortgage. Em seguida, completa:

“Quando compramos porções de um negócio excelente, com gestão excelente, nosso horizonte de tempo favorito para o investimento é: para sempre.”

O CEO reitera que sua mentalidade é totalmente oposta àquela na qual os investidores se apressam para vender e embolsar lucros quando as companhias performam bem, ao mesmo tempo em que abraçam os negócios que desapontam. Buffett possui a mentalidade de dono.

Peter Lynch faz uma analogia apropriada a esta atitude: “é o mesmo que cortar as flores e regar as ervas daninhas.”

Juntar uma companhia excelente, com gestão excelente, comprada a um preço excelente, ao poder dos juros compostos no longo prazo é uma das armas mais poderosas para o sucesso nos investimentos.

Segundo Buffett: “O mercado de ações transfere dinheiro dos impacientes para os pacientes”.

Invista em companhias que estão no seu círculo de competência

Ainda na carta de 1988, Buffett ressalta sua estratégia de se investir nas companhias nas quais possui um bom entendimento a respeito do negócio:

“Nós continuamos a concentrar nossos investimentos nas companhias que entendemos bem. Existem apenas alguns negócios sobre os quais temos fortes convicções quanto ao longo prazo.”

O CEO da Berkshire já disse, em outras ocasiões, que seu método é simples. Ele tenta comprar negócios com bons fundamentos econômicos, geridos por pessoas honestas e capazes, cotados a bons preços.

E o que isso tem a ver com o negócio estar no círculo de competência?

Para saber se o negócio possui bons fundamentos econômicos, você deve entendê-lo. Para saber se os gestores são capazes e honestos, você deve entendê-lo. Para saber se o preço está adequado, oferecendo margem de segurança, você deve entendê-lo.

Entender o negócio é uma das chaves do sucesso de Buffett. Evitar investimentos que não se encontram em seu círculo de competência fez com que Warren se afastasse da compra de empresas de tecnologia durante a bolha da Internet.

A diferença entre preço e valor

Invista como Warren Buffett

“O mercado de ações está repleto de indivíduos que sabem o preço de tudo e não sabem o valor de nada.”

Esta frase foi dita por Phil Fisher, um investidor americano já falecido. Por meio dela, Phil diz que muitos indivíduos se importam apenas em observar as cotações dos códigos das ações, sem saber, de fato, o real valor de ser dono de uma ação.

Certa vez, Buffett disse: “Por alguma razão, as pessoas se inspiram na movimentação dos preços, e não nos valores. Preço é o que você paga. Valor é o que você leva”.

O valor de uma ação é determinado pela sua capacidade de gerar dinheiro no longo prazo. Warren acredita que o quanto você paga determina a quantidade de valor que você leva. Isto é, pagando muito, você leva pouco valor; e quanto menos você paga, mais valor você leva.

Explicando de maneira mais didática: se uma empresa lucra R$ 10 milhões por ano e você a compra por R$ 100 milhões, o preço que você pagou foi R$ 100 milhões e o valor que você levou foi R$ 10 milhões por ano.

Por outro lado, se o investidor paga R$ 150 milhões, estaria levando menos valor pela quantia paga. Ao passo que, se tivesse pagado menos, digamos cerca de R$ 75 milhões, levaria bem  mais valor pela quantia paga.

O segredo do jogo é sempre pagar menos por um maior valor. Além disso, o preço é muito mais volátil do que o valor, de modo que o investidor deve aproveitar as situações nas quais ocorre um descasamento entre ambos.

Estes são apenas alguns dos ensinamentos de Buffett que julgo relevantes. Acredito que podemos extrair muito conhecimento das experiências, cartas, entrevistas e investimentos do Oráculo de Omaha.

Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.

1 comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ygor 1 de setembro de 2019

    Maravilha de matéria! Uma verdadeira maratona Warren Buffett vocês me proporcionaram pra esse domingo! Obrigado!

    Responder
Leia Mais...
Outras Seções

Ações

208 artigos
Ações

FIIs

58 artigos
FIIs
Rectangle 315
Group 252

5 amostras para você conhecer melhor a Suno!

tablet 1
  • Suno Dividendos
  • Suno FIIs
  • Suno Insider Spy
  • Suno Radar FIIs
  • Suno Yellow Flag
revenue

eBook Gratuito

Manual do Investidor

Tudo o que você precisa para dar os primeiros passos na Bolsa de Valores

Group 285

NÃO VÁ EMBORA AINDA..

O portal que vai te ajudar a começar
a investir.

Todos os conteúdos gratuitos 
da Suno em um só lugar!